Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/07/2005 14:01

União reconhece estado de emergência em 44 cidades de MS

Fernanda Mathias / Campo Grande News

Já é reconhecido pela união estado de emergência em 44 cidades de Mato Grosso do Sul de 60 que o decretaram, segundo a última atualização fornecida pelo governo do Estado. O motivo é a estiagem que provocou grandes perdas na safra e mesmo na pecuária destes municípios. A Secretaria Nacional de Defesa Civil, ligada ao Ministério da Integração, de analisa, comprova e homologa os processos de decretação de situação de emergência ou calamidade pública. O coordenador estadual da Defesa Civil, João Alves Calixto, explica que ocorreram mudanças na sistemática da tramitação desses pedidos em Brasília. ”Mas o governo estadual e as prefeituras já estão providenciando a regularização dos processos dos 16 municípios que ainda não foram reconhecidos", diz. O reconhecimento possibilita medidas de socorro como prorrogação de dúvidas dos produtores rurais, por exemplo. Já estão reconhecidas, por problemas de estiagem, as situações de emergência em Amambai, Anaurilândia, Angélica, Antônio João, Aral Moreira, Bandeirantes, Batayporã, Bela Vista, Bonito, Caarapó, Camapuã, Campo Grande, Chapadão do Sul, Coronel Sapucaia, Costa Rica, deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Dourados, Eldorado, Fátima do Sul, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Itaporã, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jateí, Laguna Caarapã, Maracaju, Mundo Novo, Naviraí, Nova Andradina, Pedro Gomes, Ponta Porã, Porto Murtinho, Rio Brilhante, São Gabriel d´Oeste, Sete Quedas, Sidrolândia, Tacuru, Taquarussu, Terenos e Vicentina. Estão pendentes os processos de Água Clara, Aquidauana, Brasilândia, Corumbá, Coxim, Glória de Dourados, Jardim, Jaraguari, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Novo Horizonte do Sul, Paranhos, Três Lagoas, Ribas do Rio Pardo, Rio Verde e Sonora. Orientações sobre o processo de decreto de emergência podem ser obtidas através do site www.defesacivil.ms.gov.br

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)