Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/06/2010 13:27

TJMS absolve homem que furtou 18 galinhas

TJMS

Na manhã de hoje (2), por maioria, contra o parecer da Procuradoria-Geral de Justiça e nos termos do voto da relatora, os desembargadores da Seção Criminal julgaram procedente o pedido de revisão criminal do réu G.A.K., condenado pelo furto de aves.

Do dia 8 a 18 de setembro de 2004, por volta das 3 horas da madrugada, G.A.K. subtraiu 18 galinhas, de forma continuada (por cinco vezes), da residência da senhora M.G.S. O prejuízo foi avaliado em R$ 74,50. Feita a ocorrência policial, o Ministério Público Estadual pediu a condenação do réu nos termos da denúncia em face do acusado.

Em 1º grau, o réu foi condenado a pena de 1 ano, 9 meses e 10 dias de reclusão, no regime aberto, substituída por penas restritivas de direitos. A defesa pediu a absolvição, com base no princípio da insignificância, e sustentou que a sentença pela prática criminosa tipificada no art. 155, § 1º, combinado com o art. 71 do Código Penal, é contrária à evidência dos autos e a interpretação atual da jurisprudência. A Procuradoria-Geral de Justiça opinou pelo indeferimento do pedido.

A relatora do processo, Desa Marilza Lúcia Fortes, informou que o requerente é primário e não registra antecedentes, portanto, possui condições favoráveis à aplicação do princípio da insignificância. “O valor é insignificante e não gerou efetiva lesão ao bem jurídico protegido pela norma penal incriminadora, tratando-se, portanto, de fato atípico.”

A magistrada esclareceu que o Superior Tribunal de Justiça entendeu que se aplica o princípio da insignificância, ainda que o acusado tenha antecedentes criminais

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)