Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/04/2007 08:25

TJ declara inconstitucional artigo da lei orgânica em MS

TJ/MS

Os componentes doTribunal Pleno , na sessão de ontem (4), em conformidade com o parecer e por unanimidade, julgaram a Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) ajuizada pelo MP, com pedido de medida cautelar, objetivando seja declarada a inconstitucionalidade do art. 41 da lei orgânica municipal de Anaurilândia por este afrontar o art. 183 da Constituição Estadual, que proíbe os municípios de adotarem critérios diversos da concessão de benefícios previdenciários a seus agentes políticos daqueles dos servidores públicos estaduais.

O des. Joenildo de Sousa Chaves,relator do processo nº 2006.002125-3, apontou que o dispositivo atacado viola o princípio da moralidade administrativa e explicou que o art. 183 da Constituição Estadual veda a prefeitos e seus vices, vereadores e ex-edis, formas distintas de contribuição previdenciária.

"O art. 182 da Carta Estadual", disse o relator, "dispõe que prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e ex-vereadores são contribuintes como os servidores estaduais, no entanto, podem optar entre contribuir com o MSPrev ou com a previdência geral".

Citando jurisprudência do Supremo Tribunal Federal , o relator questionou: "o Poder Legislativo não pode criar despesa. De onde sairia o dinheiro para tal compromisso? Tal dispositivo é inoportuno, ilícito e imoral e, ao longo do tempo, geraria muito problemas. Meu voto é no sentido de declarar inconstitucional tal artigo, com feitos ex tunc, determinando que seja efetivada a comunicação de tal decisão à Câmara Municipal de Anaurilândia".
Autoria do Texto:Secretaria de Cominicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)