Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/06/2008 17:15

TCE rejeita 27 prestações de contas por irregularidades

Aline dos Santos - Campo Grande News

O TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado) julgou 48 prestações de contas e rejeitou 27 consideradas irregulares. Dentre os 22 processos julgados pela 1ª Câmara do TCE/MS, está o resultado de 17 inspeções ordinárias realizadas em 2006.

Destas, sete apresentaram irregularidades: Fundo Municipal de Saúde de Coronel Sapucaia, Fundef de Caracol, Caarapó e Tacuru, Fundo Municipal de Investimentos Sociais de Tacuru, Fundo Municipal de Assistência Social de Paranhos e Câmara Municipal de Aral Moreira.

Já na 2ª Câmara, foram julgados 26 processos e16 prestações de contas apresentaram irregularidades. De um total de sete inspeções ordinárias realizadas em 2006 e 2007, apenas na Secretaria de Estado de Planejamento de Ciência e Tecnologia de MS foi constatada irregularidade, sob a responsabilidade do ex-secretário Egon Krakhecke.

Os conselheiros da 2ª Câmara ainda analisaram oito contratos administrativos e sete atos de pessoal. Destes, cinco processos de admissão e remanejamento de pessoal da Prefeitura de Figueirão, referentes ao exercício de 2006 foram rejeitados pelos conselheiros, “por violarem o princípio da legalidade”. Após a publicação no Diário Oficial do Estado, ainda cabe recurso por parte dos ordenadores de despesas dos processos irregulares.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)