Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/06/2005 13:22

Suspeita de vaca louca nos EUA pode ampliar exportações

Fernanda Mathias / Campo Grande News

Sob suspeita de um novo caso de vaca louca, os Estados Unidos podem perder espaço no mercado mundial de carnes para o Brasil, líder no ranking de exportadores. Mato Grosso do Sul, que responde por quase metade do que sai do País, pode ser diretamente beneficiado com isso.
Em entrevista ao Zero Hora, o especialista em mercado de bovinos da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, Paulo Mustefaga, ressalta que apesar dessa expectativa, um outro caso de vaca louca não pode ser visto como uma vantagem, por abalar o consumo mundial do produto. A embaixada dos Estados Unidos no Brasil informou que a análise do animal suspeito já foi encaminhada a um laboratório especializado na Inglaterra. A expectativa das autoridades sanitárias dos EUA é de que o resultado do exame seja divulgado na próxima semana. Caso a doença, conhecida também como encefalopatia espongiforme bovina (BSE), seja identificada nas análises, a participação dos EUA no mercado internacional poderá cair ainda mais, segundo avaliação de especialistas do setor. Em 2003, quando foi confirmado um caso de vaca louca no Estado de Washington, as exportações de carne bovina começaram a recuar. Um ano depois, as vendas já tinham caído 82% em relação ao ano anterior. No ano passado o Brasil exportou US$ 2,5 bilhões em carnes e para este ano a expectativa do setor produtivo de carne é exportar mais de US$ 3 bilhões. Diretamente por Mato Grosso do Sul as carnes congeladas tiveram salto de exportação de 302% de janeiro a maio deste ano comparado a igual período de 2004 e a de refrigeradas saltou em 120%.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)