Cassilândia, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

Últimas Notícias

27/08/2006 18:11

Site do São Paulo reclama da arbitragem; leia

SPFC

O site do São Paulo reclama do árbitro, Carlos Eugênio Simon. Veja o que foi publicado:

Em tarde trágica da arbitragem, o São Paulo ficou no empate por 1 a 1 com o Flamengo, em partida realizada neste domingo, no estádio do Maracanã. O juiz Carlos Eugênio Simon não marcou dois pênaltis claros sofridos pelo atacante Aloísio no primeiro tempo. Com o resultado, o time manteve a liderança do Campeonato Brasileiro, com 38 pontos, três a mais que os principais rivais.

O jogo



As duas equipes começaram a partida em ritmo lento. Jogando em casa, o Flamengo apostava tudo em Sávio, sua grande estrela. Já o São Paulo, como de costume, valorizava a posse de bola até esperar o momento certo para atacar. A primeira chance da partida surgiu aos 12min, quando Souza escapou pela direita e cruzou para Aloísio, que não alcançou a bola. Na sobra, Danilo bateu por cima do gol.

O time carioca respondeu aos 20min, quando Obina recebeu passe pela direita, cortou a marcação de Edcarlos e bateu rasteiro. Rogério Ceni, bem posicionado, fez a defesa. O jogo seguiu truncado no meio-campo, com a marcação das duas defesas levando vantagem sobre os ataques. Aos 32min, Josué arriscou de fora da área, a bola desviou na zaga flamenguista e sobrou para Aloísio que, em posição legal, avançou e foi derrubado por Renato Silva. Pênalti claro não marcado.

Para piorar as coisas, dois minutos depois, o Flamengo abriu o marcador. Após falta sofrida por Renato, Obina bateu rápido para Juan, que invadiu a área e, na saída de Rogério Ceni, bateu no canto esquerdo, fazendo 1 a 0.

Em desvantagem, o São Paulo adiantou seu meio-campo e tentou atacar. Aos 38min, Rogério Ceni cobrou falta da entrada da área e a zaga do Flamengo cortou com a mão. Nova penalidade não marcada. Três minutos depois, Souza cobrou escanteio pela esquerda e Alex Silva cabeceou por cima do gol. No último ataque do primeiro tempo, Alex Silva cruzou da direita e Danilo, de primeiro, bateu longe.

Irritado, o técnico Muricy Ramalho mexeu na equipe no intervalo. Deixaram o gramado Souza e Danilo e entraram Thiago e Lenilson. Mas foi o Flamengo que assustou primeiro, em um contra-ataque puxado por Sávio, que invadiu a área e bateu cruzado, à esquerda de Rogério Ceni. Com uma marcação muito mais atuante, o São Paulo ganhou o meio-campo a partir dos 10 minutos. E, comandados por Lenilson, o time começou a criar chances para empatar.

Aos 12min, Lenilson fez boa jogada individual e bateu rasteiro, no canto esquerdo de Diego, que pegou firme. Cinco minutos depois, novamente Lenilson avançou pelo meio e bateu firme. Diego rebateu e, na sobra, Mineiro, sem marcação, cabeceou por cima do gol. Aos 19min, Thiago fez boa jogada pela esquerda e cruzou na medida para Leandro, que cabeceou para o meio da área. Ninguém conseguiu completar a jogada e a zaga do Flamengo afastou o perigo.

A pressão deu certo e aos 21min, veio o empate com Lenilson, que bateu no ângulo de Diego, após cruzamento da direita. O time continuou dominando as ações e, aos 29min, Leandro desperdiçou boa chance ao errar chute da entrada da área. Aos 33min, Thiago arriscou da esquerda e a bola foi à direita de Diego, com perigo. O Flamengo, que até então assistia o São Paulo jogar, voltou a assustar aos 38min, em cabeçada de Obina que Rogério Ceni defendeu firme.

Aos 42min, Muricy Ramalho deu sua última cartada, com a entrada de Alex Dias na vaga de Aloísio. O time seguiu no ataque, mas o Flamengo, na base do chutão, se defendeu como pode.



Ficha técnica



Flamengo: Diego; Marcelinho, Ronaldo Angelim, Renato Silva (Wálter Minhoca) e Juan; Paulinho, Léo Medeiros (Rodrigo Arroz), Renato Augusto e Renato; Obina e Sávio (Peralta)

Técnico: Ney Franco

São Paulo: Rogério Ceni; Alex Silva, Fabão e Edcarlos; Souza (Thiago), Josué, Mineiro, Danilo (Lenilson) e Richarlyson; Leandro e Aloísio (Alex Dias).

Técnico: Muricy Ramalho



Gols: Juan, aos 34min do primeiro tempo e Lenilson, aos 21min do segundo tempo

Cartões amarelos: Léo Medeiros, Juan, Diego, Aloísio e Rogério Ceni

Local: estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Juiz: Carlos Eugênio Simon (RS)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)