Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/01/2004 07:23

Shell divulga lista dos indicados ao Prêmio de Teatro

Alana Gandra/ABr

A Shell divulgou ontem, no Rio, a lista dos indicados, do segundo semestre de 2003, ao Prêmio Shell de Teatro. São 17 concorrentes. Na categoria autor, Evandro Mesquita e Mauro Farias (por “Esse Cara não Existe”) e Caio de Andrade (por “Deserto Iluminado”) concorrem ao 1º prêmio individual de R$ 8 mil. O prêmio foi criado em 1989 para distinguir os melhores profissionais do ano nas categorias autor, diretor, ator, atriz, cenografia, iluminação, música e figurino. Participam da categoria especial profissionais como produtor e tradutor.

Na categoria Direção, os selecionados são Aderbal Freire Filho (por “O Que Diz Molero”) e Cláudio Baltar (por “Sonhos de Einstein”). De acordo com a assessoria de imprensa da Shell, essas duas montagens, juntamente com “Deserto Iluminado”, foram as que tiveram mais indicações (três) no segundo semestre. O ator Sérgio Britto é o homenageado do Prêmio Shell do Rio de Janeiro por sua “diversificada e inestimável contribuição ao teatro”.

Todos os anos, o Prêmio Shell é realizado em duas edições, contemplando separadamente os espetáculos realizados no Rio de Janeiro e em São Paulo, que se apresentaram entre 1º de janeiro e 31 de dezembro. A festa em que serão conhecidos os vencedores das nove categorias está prevista para o fim de março, em local ainda não definido. O júri do Rio de Janeiro é formado por Bernardo Jablonski, Fabiana Valor, Lionel Fischer, Maria Fernanda e Sérgio Fonta.

Os demais indicados do segundo semestre à 16ª edição do Prêmio Shell de Teatro do Rio de Janeiro são Orã Figueiredo por “O Que Diz Molero”, Alexandre Schumacher por “Ópera do Malandro” e Xando Graça por “Deserto Iluminado” (ator); Lucinha Lins por “Ópera do Malandro” e Iléa Ferraz por “Nunca Pensei Que Ia Ver Esse Dia” (atriz); Fernando Mello da Costa por “Esse Cara Não Existe” e José Manuel Castanheira por “O Que Diz Molero”(cenário); Ernani Peixoto por “Deserto Iluminado” e Marcelo Marques por “O Último Dia” (figurino); Beto Bruel por “Como Aprendi a Dirigir um Carro” e Aurélio de Simoni por “Sonhos de Einstein” (iluminação); Felipe Rocha por “Sonhos de Einstein“ e Rodrigo Lima por “Comoção” (música). Na Categoria Especial será premiado Moacir Chaves pela “excelência da programação exibida no Teatro Maria Clara Machado ao longo da temporada de 2003”.

Os profissionais selecionados pela Shell no segundo semestre de 2003 disputarão o prêmio anual com os indicados do primeiro semestre, anunciados no ano passado, que são João Fonseca por “O Casamento do Pequeno Burguês" e Marcio Meirelles por “Candaces - A Reconstrução do Fogo”(direção); Amir Hadad por “O Castiçal” e Fernando Eiras por “Fausto” (ator); Alessandra Maestrini por “O Casamento do Pequeno Burguês”e Guida Vianna por “Nada de Pânico” (atriz); João Gomes por “O Castiçal”e Cláudio Tovar por “Veneza” (cenário); Marcelo Pies por “Tio Vânia” e Biza Vianna por “Candaces - A Reconstrução do Fogo” (figurino); Aurélio de Simoni por “Veneza” e Paulo César Medeiros por “Casca de Noz” (iluminação); Adriana Miana por “Imagens da Quimera” e Marcos Povoas e Puan Viana por “Candaces - A Reconstrução do Fogo” (música). Na Categoria Especial, a indicada foi Zebrinha pela coreografia de “Candaces - A Reconstrução do Fogo” . Não houve indicados para a categoria autor, como ocorreu também em São Paulo.

Na terça-feira, foram divulgadas as indicações do segundo semestre para a edição paulista do Premio Shell de Teatro

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)