Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/02/2007 17:38

Senadores tomam posse em Plenário; veja quem são eles

Agência Senado

Em cerimônia comandada pelo senador Renan Calheiros, foram empossados nesta quinta-feira (1º), no Plenário do Senado, os 27 senadores eleitos em outubro de 2006 para o exercício de mandato que se estenderá até 31 de janeiro de 2015. Após a posse dos parlamentares - 20 são novos na Casa e sete foram reeleitos -, foi realizada uma segunda reunião preparatória, destinada à eleição de presidente do Senado.

Ao iniciar a cerimônia, Renan prestou uma homenagem ao senador Pedro Simon (PMDB-RS), reeleito para o cargo, convidando-o a fazer a leitura do compromisso de posse em nome dos demais parlamentares.

- Prometo guardar a Constituição federal e as leis do país, desempenhar fiel e lealmente o mandato de senador que o povo me conferiu e sustentar a união, a integridade e a independência do Brasil. Assim o prometo - disse Simon.

Em seguida, Renan convidou os presentes a ficarem de pé para a chamada individual dos senadores empossados, feita pelo 1º secretário da Casa, senador Efraim Morais (PFL-PB). Depois da leitura, Renan tornou a chamar os parlamentares, que repetiam a frase 'Assim o prometo', à medida que seus nomes eram citados pelo presidente da Casa.

A cerimônia foi encerrada em seguida, com a execução do Hino Nacional pela Banda do Batalhão da Guarda Presidencial (BGP). O nome dos empossados será divulgado no Diário do Senado Federal, conforme determina o Regimento Interno da Casa.

Novos

Os novos senadores empossados foram Alfredo Nascimento (PL-AM), Expedito Júnior (PPS-RO), Mário Couto (PSDB-PA) e Kátia Abreu (PFL-TO), pela Região Norte.

Pela Região Nordeste, foram empossados Epitácio Cafeteira (PTB-MA), João Vicente Claudino (PTB-PI), Inácio Arruda (PCdoB-CE), Rosalba Ciarlini (PFL-RN), Cícero Lucena (PSDB-PB), Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), Fernando Collor de Mello (PRTB-AL) e João Durval Carneiro (PDT-BA).

Pela Região Sul, o senador empossado foi Raimundo Colombo (PFL-SC). Pelo Centro-Oeste, foram empossados Marisa Serrano (PSDB-MS), Marconi Perillo, Joaquim Roriz (PMDB-DF) e Jayme Campos (PFL-MT). E, pelo Sudeste, Eliseu Resende (PFL-MG), Francisco Dornelles (PFL-RJ) e Renato Casagrande (PSB-ES).

Os senadores que foram reeleitos são: Tião Viana (PT-AC), Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), José Sarney (PMDB-AP), Maria do Carmo Alves (PFL-SE), Alvaro Dias (PSDB-PR), Pedro Simon e Eduardo Suplicy (PT-SP).
Os suplentes que já assumiram o mandato são o senador José Nery (PSOL-PA), no lugar da governadora do Pará, Ana Júlia Carepa (PT); o senador João Tenório (PSDB-AL), no lugar do governador de Alagoas, Teotonio Vilela Filho (PSDB); o senador Neuto de Conto (PMDB-SC), no lugar do vice-governador de Santa Catarina, Leonel Pavan (PSDB); o senador Adelmir Santana (PFL-DF), no lugar do vice-governador do Distrito Federal, Paulo Octávio (PFL); e o senador Paulo Duque (PMDB-RJ), que assumiu no lugar do senador licenciado Régis Fichtner (PMDB), que por sua vez entrou no lugar do governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), mas foi por este convocado para chefiar o gabinete civil do Estado. A esses se soma o senador Válter Pereira (PMDB-MS), que assumiu o mandato com o falecimento do titular, senador Ramez Tebet (PMDB-MS).

Desde a posse, de acordo com o inciso II do artigo 54 da Constituição, os senadores não poderão ser proprietários, controladores ou diretores de empresas que gozem de favor decorrente de contrato com pessoa jurídica de direito público, ou nela exercer função remunerada; ocupar cargo ou função de que sejam demissíveis ad nutum em autarquias, empresas públicas, sociedade de economia mista ou empresa concessionária de serviço público, assim como patrocinar causa em que essas entidades sejam interessadas. Os senadores também não poderão ser titulares de mais de um cargo ou mandato público eletivo.

Composto por 81 senadores, o Senado renovou um terço de seus integrantes na eleição de 2006. Os demais 54 senadores que já se encontram na Casa exercerão mandato até 31 de janeiro de 2011.

Renan Calheiros foi reeleito presidente do Senado.

Paulo Sérgio Vasco / Repórter da Agência Senado

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)