Cassilândia, Terça-feira, 22 de Maio de 2018

Últimas Notícias

14/12/2006 07:03

Senadores aprovam Lei de Incentivo ao Esporte

Agência Senado

Os senadores aprovaram nesta quarta-feira (13), em votação no Plenário, o projeto de lei da Câmara (PLC 118/06) que dispõe sobre incentivos e benefícios para fomentar as atividades desportivas e paradesportivas. Foram aprovados o projeto do deputado federal Bismarck Maia (PSDB-CE) e as emendas apresentadas pelos senadores Cristovam Buarque (PDT-DF) e Ideli Salvatti (PT-SC) na Comissão de Educação (CE), que colocaram fim ao impasse entre artistas e esportistas sobre os benefícios fiscais ao esporte, que poderiam diminuir os incentivos à cultura. A matéria volta agora para nova apreciação da Câmara dos Deputados.

A matéria, que foi aprovada horas antes na CE, permite um abatimento de até 4% do Imposto de Renda devido das empresas e 6% das pessoas físicas que fizerem doações a projetos desportivos. Pela emenda de Cristovam, a fonte de recursos que beneficia a área esportiva deixa de ser a Lei Rouanet (Lei 8.313/91) e passa a ser a legislação que prevê incentivos fiscais voltados para programas de alimentação do trabalhador (como o auxílio alimentação) e renovação científica e tecnológica (Leis 6.321/76 e 8.661/93). A líder do PT, senadora Ideli Salvatti (SC), garantiu que os fomentos a inovações na ciência e tecnologia brasileiras não serão afetados.

A Lei do Incentivo ao Esporte, como ficou conhecida a proposta, não irá concorrer com a cultura, permitindo que uma empresa possa investir 4% na cultura e outros 4% no esporte. A emenda de Ideli estabeleceu a obrigatoriedade de decretos anuais que estabelecerão o volume total dos recursos arrecadados e o percentual que caberá para cada uma das modalidades esportivas: educacional, de participação, e de rendimento (competições), subdivididas em projetos especiais. O mesmo já ocorre quanto aos incentivos à cultura.

O senador Ney Suassuna (PMDB-PB) afirmou que o projeto aprovado é relevante para o país, pois beneficia tanto o esporte quanto a cultura, além de contar com o apoio da Receita Federal. O senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) destacou a importância da matéria para os esportes olímpicos e paraolímpicos brasileiros. Heráclito Fortes (PFL-PI) pediu para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva dar mais atenção ao Ministério dos Esportes. Paulo Octávio (PFL-DF) frisou que o projeto foi aprovado por consenso no Senado, pois valoriza os esportes no país. E Arthur Virgílio (PSDB-AM) disse que a nova lei vai beneficiar o esporte amador.

Os senadores Magno Malta (PL-ES), Flexa Ribeiro (PSDB-PA), Delcídio Amaral (PT-MS), José Agripino (PFL-RN), Aloizio Mercadante (PT-SP), Leomar Quintanilha (PCdoB-TO), Romero Jucá (PMDB-RR) e Marcelo Crivella (PRB-RJ) também comemoraram a aprovação da Lei de Incentivo ao Esporte e elogiaram a iniciativa do deputado Bismarck Maia.

Presenciaram a votação em Plenário o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman; a ex-jogadora de basquete Hortência; o mais premiado atleta paraolímpico brasileiro, Clodoaldo Francisco da Silva; o presidente do Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB), Vital Severino Neto; o ex-jogador de vôlei Bernard, o ex-ministro dos Esportes, deputado federal Agnelo Queiroz; e o velocista Robson Caetano, dentre outros.

Augusto Castro / Repórter da Agência Senado

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 22 de Maio de 2018
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)