Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/12/2003 14:42

Senador diz que spam é "praga digital"

Agência Senado

A rede mundial de computadores, ou Internet, trouxe inúmeras facilidades de comunicação entre as pessoas, mas, conforme alertou o senador Valmir Amaral (PMDB-DF), essa moderna tecnologia também carreou incômodos no campo da telemática. Um deles, o envio de mensagens comerciais não solicitadas, conhecidas pelo nome inglês de spam, foi qualificada pelo parlamentar como “praga digital”. Ele recomendou um esforço mundial, com a participação do Brasil, de combate à prática.

Ele contou que já são várias as iniciativas em todo o mundo para impedir o envio desmedido dessas mensagens, que já representam, apenas nos Estados Unidos, segundo informou, mais da metade do fluxo de dados do país. Em alguns casos, detalhou, o número de spams é tão excessivo que já ameaça a paralisação dos servidores de correio eletrônico.

Valmir Amaral louvou a decisão norte-americana de implementar uma nova legislação anti-spam que prevê punições mais rigorosas para os seus praticantes. Dessas, multas que variam de US$ 250 a US$ 2 milhões por mensagem enviada, podendo esse último valor ser ampliado até US$ 6 milhões em caso de reincidência do abuso. No âmbito da União Européia, informou, o sistema que está sendo proposto segue o princípio da proibição do envio não solicitado de mensagens antes mesmo do destinatário optar por recebê-la.

De qualquer maneira, avaliou o senador, é importante que o Brasil participe dessas ações e não fique omisso em relação ao assunto. Por isso, ele propôs o projeto de lei nº 95/2003 que define restrição ao uso de informações pessoais dos usuários de sistemas digitais, impedindo, por exemplo, que listas de endereços eletrônicos válidos sejam passados de uma empresa para outra.

- A defesa da privacidade no ambiente virtual é peça fundamental no combate não apenas aos abusos praticados na rede Internet, mas também às novas modalidades de delitos praticados com o computador ou contra sistemas de informação e segurança. Só assim vamos impedir que esse importante canal de difusão de conhecimentos fique inviabilizado - afirmou Valmir Amaral.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)