Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/04/2014 13:20

Saúde intensifica campanha para vacinação contra o HPV em MS

Notícias MS

A Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul (SES/MS) está reforçando junto aos municípios do Estado a disponibilização das vacinas contra o HPV utilizadas para a prevenção do câncer de colo do útero. Em Mato Grosso do Sul, a estimativa é que de que em 2014 cerca de 67,5 mil meninas de 11 a 13 anos sejam vacinadas.
De acordo com o secretário de Estado de Saúde, Antônio Lastória, a ampla divulgação da campanha, iniciada no dia 10 de março, em esforço conjunto com os municípios são os fatores essenciais para que a meta de alcance do público alvo seja atingida.

“Estamos reforçando a divulgação quanto à disponibilidade da vacina nas unidades de saúde. É importante lembrar que o estado possui uma ampla população rural o que de certa forma dificulta o acesso a esse conhecimento da vacina, porém nossas equipes de imunização estão trabalhando para chegar até esta população e diminuir esta resistência à vacina. Também contamos com o registro de dados atualizados por parte dos municípios, pois é através deles que o controle de doses é feito, por isso é importante que os municípios atualizem seus registros de doses aplicadas nos sistemas do Ministério da Saúde”, afirmou o secretário.

Além da campanha de divulgação, também está previsto reforço nas escolas sobre a importância da vacina para adolescentes, pais e professores, com distribuição do Guia Prático sobre HPV.

Cada adolescente deverá tomar três doses para completar a proteção, sendo que a segunda seis meses depois e a terceira cinco anos após a primeira dose. Em 2015, a vacina passa a ser oferecida para as adolescentes de 9 a 11 anos e em 2016 às meninas de 9 anos. A vacina contra HPV garante proteção de 98% contra o câncer de colo do útero. A vacina contra HPV tem eficácia comprovada para proteger mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual e, por isso, não tiveram nenhum contato com o vírus.

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual podendo afetar a mulher e o home. No caso do homem são raros os registro de câncer ou sintomas. Também pode ser transmitido da mãe para filho no momento do parto. Estimativa da Organização Mundial da Saúde aponta que 290 milhões de mulheres no mundo são portadoras da doença, sendo 32% infectadas pelos tipos 16 e 18.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)