Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/05/2004 09:10

Saúde e Ordem dos Médicos na pauta

assessoria

As Diretorias do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Médica Brasileira (AMB) reúnem-se nesta semana, para discutir a implementação do Programa de Atenção à Saúde e Qualidade de Vida do Médico e a criação da Ordem dos Médicos do Brasil.

Na quinta-feira (20/05), o Grupo de Trabalho para implementação do Programa de Atenção à Saúde e Qualidade de Vida do Médico, reúne-se na sede da AMB, em São Paulo.

Segundo o idealizador do Programa, o secretário-geral do CFM, Rubens dos Santos Silva, "o principal objetivo do CFM é fazer com que o médico, que diariamente se preocupa com a saúde dos pacientes, passe a estar atento à sua própria saúde, com prevenção e orientação. Nossa meta é identificar médicos que estejam em situações de risco, visando prestar-lhes a necessária assistência seja com tratamento, prevenção ou reabilitação do colega".

O projeto está em fase de discussão e, para tal, já foram realizadas três reuniões. "Nossa intenção é atuar em âmbito nacional, para que em qualquer lugar do País, o médico necessitado de assistência possa ser alcançado. Em todos os Estados, haverá profissionais e serviços de referência" diz Rubens Santos.

O Programa terá como foco, além dos problemas de dependência química, as questões habituais de saúde, tais como prevenção e acompanhamento de doenças cardiológicas, hipertensão, diabetes e outras.

A comunicação do projeto à classe médica será feita por meio do cadastro nacional de médicos do Conselho Federal de Medicina, além da divulgação de informações nas homepages do CFM (www.portalmedico.org.br) e da AMB (www.amb.org.br) e nos seu jornais institucionais das organizações.

"Apesar de não termos (ainda) estatísticas, os dados de observação e de identificação apontam diabetes, hipertensão, doenças osteo-articulares, quadros depressivos, como doenças muito comuns na classe médica. O Programa se propõe a elaborar estatísticas nesse sentido" afirma o Professor Luiz Salvador de Miranda Sá Júnior, 1° secretário do CFM, consultor do projeto.


Ordem dos Médicos do Brasil


Nos dias 21 e 22 de maio, as Diretorias do CFM e da AMB participam do Simpósio sobre a Ordem dos Médicos, promovido pela Confederação Médica Brasileira, também, em São Paulo.

No início deste ano, o CFM e a AMB formaram um grupo de estudos para discutir a criação de uma única entidade representativa da classe médica, a Comissão de Estudos para a Criação da Ordem dos Médicos do Brasil.

O papel desta Comissão é estudar as dificuldades jurídicas para a criação da Ordem dos Médicos e propor uma agenda de implantação da nova entidade, que englobaria as funções associativas, de regulamentação e fiscalização da atividade médica.

A idéia é que se faça uma consulta pública para saber o que os médicos do Brasil pensam a respeito da criação de uma única entidade que os represente. Posteriormente, será realizado um plebiscito para que se referende ou não a criação da Ordem dos Médicos do Brasil.

Para o presidente da Comissão, Rubens dos Santos Silva, a proposta de aprovação da Ordem dos Médicos do Brasil por meio de plebiscito é algo inédito e demonstra as boas intenções das diretorias das entidades: "Não queremos que apenas os dirigentes e os representantes decidam. Queremos ouvir cada médico do Brasil, para que prevaleça a vontade da maioria".
Além do presidente, que é o secretário-geral do Conselho Federal de Medicina, a Comissão é formada pelo vice-presidente da região Sul da AMB, Remaclo Fischer Junior, que foi nomeado secretário na coordenação dos trabalhos, pelo diretor de Defesa Profissional da AMB, Eduardo da Silva Vaz, pelo diretor de Saúde Pública da AMB, Samir Dahas Bittar, pelo conselheiro Antônio Gonçalves Pinheiro, e pela 2ª tesoureira do CFM, Marisa Fratari Tavares de Souza.

Para obter mais informações sobre o Programa de Atenção à Saúde do Médico e a Ordem dos Médicos do Brasil, procure:

Márcia Wirth e Patrícia Álvares
Assessoria de Imprensa do Conselho Federal de Medicina
Tel: (61) 445 59 47/ 59 58

Fax: (61) 445 59 18
E-mail: marcia@cfm.org.br/ lpatricia@cfm.org.br




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)