Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/11/2005 20:03

Sai a primeira indenização pelo abate de gado em MS

Lana Cristina/ABr

O proprietário da fazenda Vezozzo, primeira a registrar foco de aftosa em Eldorado, Mato Grosso do Sul, será o primeiro a receber compensação pelas perdas. O secretário de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Gabriel Alves Maciel, assinou hoje (4) a liberação de R$ 300 mil para indenizar o dono da fazenda, José Vezozzo, que teve 592 bovinos sacrificados. A doença foi confirmada na propriedade no dia 8 de outubro.

Maciel está em Eldorado, onde se reuniu com pecuaristas, donos e funcionários de frigoríficos para ouvir as principais reivindicações dos que tiveram prejuízos com os focos de aftosa. Eles pedem a recomposição da renda dos produtores, uma linha de crédito emergencial e auxílio-desemprego para os que foram demitidos dos três frigoríficos da região.

Cinco municípios estão interditados no Mato Grosso do Sul: Japorã, Iguatemi, Mundo Novo, Eldorado e Itaquiraí. Nada do que é produzido na chamada área de risco sanitário pode sair dali para outras cidades, nem para outros estados. Além dos pecuaristas, também registram prejuízos os produtores de leite e agricultores.

Há 22 focos na área interditada e, apesar do índice pequeno de animais que apresentaram os sintomas da doença, é possível que o número de bovinos a serem sacrificados passe de 20 mil. Até agora, foram abatidos 2.308 animais no estado por causa da febre aftosa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)