Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/05/2004 14:01

Ruralistas vão a Brasília questionar rastreabilidade

Campo Grande News

Um grupo composto por representantes da Famasul (Federação da Agricultura de Mato Grosso do Sul) e equipe de médicos veterinários segue para Brasília (DF) esta semana para questionar as novas regras da rastreabilidade, impostas por instrução normativa em vigor desde o mês passado, e também o cronograma de inclusão de animais no Sisbov (Sistema Brasileiro de identificação e Certificação de Origem Bovina e Bubalina).
O diretor-secretário da Famasul, Ademar Silva Júnior, explica que na quarta-feira vão acompanhar a proposição de audiência pública sobre o assunto, na Câmara Federal, pelo presidente da Comissão de Agricultura e Pecuária, deputado Waldemir Moka (DF). Na quinta-feira o Estado dará suas contribuições aos questionamentos de todas as outras federações na CNA (Confederação Nacional de Agricultura). Mesmo com o comprometimento em analisar a questão, feito pelo ministro de Agricultura e Pecuária, Roberto Rodrigues, durante audiência com os presidentes da Famasul, Leôncio de Souza Brito e Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Laucídio Coelho, Ademar acredita que seja necessária pressão política. Em Mato Grosso do Sul são vários os pontos questionados, o principal deles a obrigatoriedade da rastreabilidade de animais também dos 14 municípios peri-pantaneiros que nem ao menos podem exportar por restrições da UE (União Européia).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)