Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/02/2006 11:01

Rio e Goiás fazem operação contra crimes ambientais

Alana Gandra/ABr

Durante o Carnaval, as ruas e avenidas ficam repletas de foliões. Mas há quem prefira se refugiar na natureza. Para evitar que essa opção se torne uma ameaça para florestas, animais e rios, órgãos de defesa do meio ambiente do Rio de Janeiro e Goiás fazem operações de prevenção e combate aos crimes ambientais.

Em Goiás, as ações começaram na sexta-feira (24) sob a coordenação do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Cerca de 40 agentes fiscalizam os rios federais e os grandes lagos do estado.

Recebem atenção especial os reservatórios da Usina de Corumbá IV, o rio Piracanjuba, o Lago das Brisas, o Lago dos Tigres, o rio Paranaíba, o Lago de Três Ranchos, o rio Araguaia e o Lago de Serra da Mesa.

No Rio de Janeiro, a operação Carnaval começou na quinta-feira (23), sob a coordenação do Instituto Estadual de Florestas, da Secretaria de Meio Ambiente do Rio de Janeiro. As ações envolvem 12 municípios fluminenses, com cerca de 120 agentes.

Em Paraty, na Costa Verde, a equipe de fiscalização prendeu quatro pessoas por extração ilegal de palmito-juçara. Elas podem ser condenadas a penas que variam de seis meses a um ano de prisão, segundo informou a assessoria de imprensa do governo fluminense.

No Sul do Estado, os fiscais procuram impedir crimes contra o meio ambiente no Parque Estadual da Ilha Grande, onde costumam ser registrados casos de camping ilegal, pesca predatória, construções irregulares e desmatamento.

As equipes atuam também nas rodoviárias Novo Rio, do Rio de Janeiro, e de Niterói, distribuindo panfletos aos turistas, para conscientizá-los sobre a importância da destinação que deve ser dada ao lixo nas unidades de conservação ambiental, visando a preservação da natureza.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)