Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/10/2016 17:00

Rejeitado pregão eletrônico para transmissão de jogos de seleções

Agência Câmara

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática rejeitou o Projeto de Lei 2868/15, do deputado Vinicius Carvalho (PRB-SP), que obriga o uso de pregão eletrônico para a comercialização de direitos de transmissão dos jogos oficiais das seleções brasileiras de qualquer esporte.

Pelo projeto, o pregão deve ser realizado em sessão pública por sistema com comunicação pela internet e recursos de criptografia e autenticação, de acordo com a Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil).

A proposta acrescenta a obrigação à Lei Pelé (9.615/98), que traz normas gerais sobre desporto.

Licitação específica
O relator, deputado Sandro Alex (PSD-PR), afirmou que o pregão eletrônico é uma forma de licitação específica, usada pela administração pública, enquanto os direitos de comercialização são contratos celebrados entre entes privados.

“Ao restringir a liberdade de contratar as entidades envolvidas, o projeto pode representar sério entrave ao desenvolvimento econômico de todos os lados e, principalmente, para os canais de televisão”, disse o relator.

Sandro Alex ressaltou que a Constituição garante autonomia às confederações esportivas.

Rede aberta
A Lei Pelé (9.615/98, citada pelo relator, já garante a jogos da seleção brasileira de qualquer modalidade a transmissão ao vivo em, pelo menos, uma rede nacional de TV aberta. “O poder público já intervém na atividade. A liberdade é a regra, mas a legislação garante o acesso à informação e à função social da exploração da atividade econômica”, afirmou Sandro Alex.

Tramitação
A proposta tramita em caráter conclusivo e ainda será analisada pelas comissões de Esporte; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

PL-2868/2015

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)