Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

10/09/2014 20:38

Quadrilha pode ter levado meio milhão de caixa explodido em MS

Midiamax

A Polícia Civil de Chapadão do Sul, a 325 quilômetros de Campo Grande, junto com o Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros), continuam com as investigações em relação à quadrilha que explodiu um caixa eletrônico de uma loja de conveniências de um posto de combustíveis com aproximadamente meio milhão de reais, na última quinta-feira (4).

O delegado Daniel Mansur, de Chapadão do Sul, acredita que todos os envolvidos, possivelmente setes autores, não são do Estado. O ladrões usaram três carros durante a ação, sendo eles um Ford Focus, uma caminhonete Hilux e um veículo Renalt, que pode ser o modelo Megane ou Logan.

Os autores não utilizaram dinamite e sim uma bomba conhecida como C 4. Inicialmente, a polícia acreditava que o bando era o mesmo que fez uma ação parecida Castilho (SP).

A polícia chegou a identificar cinco dos sete autores, após verem imagens de câmeras do posto de combustíveis. Dois deles teriam dado cobertura do lado de fora. Os autores também teriam ficado em um hotel na cidade, porém as imagens de câmera do hotel não favoreceram nas investigações, de acordo com a polícia.

“Podem ser os mesmos, já que temos relatos que algumas pessoas que estavam no hotel saíram um pouco antes da explosão”, disse Mansur. A polícia não descarta a hipótese de a quadrilha também ter agido em outras cidades de MS. Lembre os casos:

Histórico

Em junho foram registradas duas explosões de caixas eletrônicos em apenas dois dias. Os casos aconteceram nos dias 5 e 7 de junho, em Inocência e Aral Moreira, respectivamente.

Em Aral Moreira, a 402 quilômetros de Campo Grande, pelo menos quatro pessoas entraram em uma agência bancária e explodiram dois caixas eletrônicos. Os bandidos fugiram levando R$ 30 mil. Este é o segundo assalto na agência.

A agência já havia sido alvo dos bandidos em dezembro de 2012. Um grupo de pelo menos dez homens fortemente armados com fuzis e pistolas invadiu a agência, explodiu o cofre central com o emprego de dinamites e fugiu levando cerca de R$ 290 mil.

Em Inocência, a 321 quilômetros da Capital, pelo menos três homens encapuzados e usando luvas roubaram dinheiro que estava em um caixa eletrônico do Banco do Brasil. No momento em que acionaram os explosivos, um dos ladrões ficou ferido. No local foi encontrada uma granada que não explodiu.

No mês de julho, no dia 2, em Aral Moreira, a 374 quilômetros de Campo Grande, bandidos explodiram dois caixas eletrônicos de uma agência do Banco do Brasil. A suspeita da polícia é que quatro a cinco pessoas estejam envolvidas no caso. Os ladrões fugiram levando dois sacos cheios de dinheiro.

Dois dias depois, em Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande, dois homens pediram uma corrida a um taxista até uma boate. No caminho, eles renderam o motorista, mudaram de rota e foram até um posto de combustíveis.

Lá eles renderam os frentistas e explodiram dois caixas eletrônicos, também do Banco do Brasil. Uma dinamite foi detonada e danificou parcialmente o equipamento, porém outro explosivo não detonou. Com isso, os ladrões não conseguiram ter acesso aos valores.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)