Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/05/2004 15:25

Programa Soldado Cidadão vai profissionalizar 100 mil

Gilberto Evangelista / ABr

O Programa Soldado Cidadão, do Exército Brasileiro, vai profissionalizar cerca de 100 mil recrutas em diversas profissões, até o fim do ano. O excedente de mais 30 mil novos recrutas, para este ano, foi autorizado pelo presidente Lula e faz parte das ações do Programa Primeiro Emprego. Segundo o chefe da Seção de Informações Públicas do Exército, coronel Carlos Alberto Barcellos, os recursos já estão garantidos pelos Ministérios da Defesa e do Trabalho. Os cursos serão ministrados pelo Serviço Nacional do Comércio (Senac), Serviço Social do Comércio (Sesc) e Serviço Nacional da Indústria (Senai).

Todo ano, 1,60 milhão de jovens brasileiros se alistam e cerca de 170 mil servem às Forças Armadas. O contigente do Exército é aproximadamente de 70 mil. A partir de agosto, mais 30 mil jovens serão convocados, entre aqueles que já estavam alistados. Os recrutas vão aprender os ofícios de cozinheiro, garçom, mecânico, pintor, eletricista e carpinteiro, entre outros. Todos vão receber diploma de conclusão.

A demanda pelas profissões vai variar de acordo com as necessidades existentes nos quartéis. Brasileiros de todas as regiões serão atendidos, com prioridade para aqueles que vêm de camadas sociais populares dos grandes centros urbanos.

Na fase piloto do programa, no ano passado, o Exército formou 4.930 novos profissionais. De acordo com o coronel Barcellos, o objetivo é dar formação cívica e profissional aos jovens. “Nós criamos as condições para que, ao final do serviço militar obrigatório, eles tenham uma capacitação técnica e profissional que lhes permita melhores condições para concorrer no mercado de trabalho”, explicou.

Barcellos ressaltou que uma das missões do Exército é cooperar com o desenvolvimento nacional. “Nossa filosofia é: Exército Brasileiro, braço forte, mão amiga. É com a mão amiga que vamos dar condições aos jovens para obterem a cidadania plena”, acrescentou.

O coronel Barcellos ressaltou que cerca de cinco mil dos novos recrutas serão selecionados na 8ª Região Militar, em Belém. Eles irão receber formação na área de construção e devem prestar serviços à comunidades carentes, na construção de casas populares e pontes e da ferrovia de Bauru-Corumbá. Para Barcellos, a experiência de servir às Forças Armadas é inesquecível, pois o jovem recebe uma ampla formação cívico-militar e desenvolve o sentimento de irmandade entre os pares e de amor à pátria. Além de um soldo de R$ 153,00, o recruta tem direito a uniformes, alojamento e alimentação no quartel.

O soldado Washington Luiz Bastos, que fez o curso de garçom no Sesc, trabalha garçom no restaurante do Batalhão de Polícia do Exército de Brasília. Para não perder os conhecimentos adquiridos, Barros executa periodicamente seus treinamentos militares, com atividades físicas e de tiro. Ele é um dos poucos que, por meio do seu comportamento e bom desempenho na função, conseguiu se engajar e continuar no Exército, após o ano obrigatório de serviço militar.

No ano que vem, Washington deve pegar a dispensa definitiva, mas se sente preparado para disputar uma vaga no mercado de trabalho. “Eu já tive experiência de trabalhar fora daqui do quartel e me sinto no mesmo nível do pessoal que já trabalha na área”, afirmou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)