Cassilândia, Sábado, 23 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

03/09/2013 13:49

Polícia prende acusado de executar "amigo" na divisão de joias roubadas

Campo Grande News/ Graziela Rezende

Integrante de uma quadrilha que efetuou roubos a mão armada, traficante e homicida, Gerson Cosmo Nunes Coutinho, 36 anos, conhecido como “Gersinho”, foi preso pela Polícia na noite de ontem (2). Ele é o principal suspeito de ter executado Camaleão, um dos integrantes de um grupo que roubou joias em Dourados. O assassinato ocorreu na divisão dos produtos roubados.

Ele já possuía um mandado de prisão expedido pela 2ª Vara Criminal de Dourados, a 233 quilômetros da Capital, e vinha sendo procurado por roubos naquele município.

Os policiais da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira), do SIG (Serviço de Investigações Gerais) e da Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos) ressaltaram que o autor possui extensa ficha criminal.

No dia 24 de julho deste ano, ele estava com o traficante Reinaldo Pereira Franco, o “Gigante”, em posse de maconha e cocaína. Assim que fugiu da Polícia, houve o pedido da sua prisão. Gerson ainda figura como indiciado pelo roubo de joias em Dourados, no dia 27 de fevereiro deste ano, quando estava com o comparsa Nivaldo Honório dos Santos, o “Camaleão”.

Este último, 40 dias após o crime, foi localizado morto em uma área rural próximo a Dourados. Gerson, de acordo com a Polícia, é o principal suspeito deste homicídio, algo que ele teria cometido em razão de desacerto no roubo.

A Polícia acha que ele também efetuou outros roubos e denúncias podem ser feitas pelos telefones (67) 3411 – 8080 e (67) 3425 – 1086.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 23 de Setembro de 2017
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)