Cassilândia, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

21/08/2009 13:40

Polícia Federal procura quadrilha especializada em crime

Daniel Lima, Agência Brasil

Brasília - A Polícia Federal desencadeou hoje (21) a operação Duty Free, com o apoio do Ministério Público Federal, com o objetivo de prender integrantes de uma organização criminosa, formada por advogados, empresários e servidores públicos, especializada em crimes ligados à área do comércio exterior, que atuava no Espírito Santo e em São Paulo.

Comunicado da PF informa que estão envolvidos na operação 200 policiais federais, para cumprir 18 mandados de prisão preventiva, além de 40 mandados de busca e apreensão, nas cidades de Vitória, Vila Velha, Viana, Castelo, Alfredo Chaves, Anchieta, Conceição da Barra e Cariacica, todas no Espírito Santo, e na capital paulista.

Em fevereiro, a Polícia Federal começou a investigar o grupo, suspeito de contar com a ajuda de servidores da Receita Federal para obter facilidades e agilidade em processos de importação, prestação de consultorias e reiteradas interposições fraudulentas, em troca de dinheiro e outras vantagens.

A Polícia Federal informou também que o grupo se beneficiou de um contrato firmado com o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santos (Bandes) e fraudou uma licitação com uma prefeitura do interior do Espírito Santo.

Os crimes atribuídos a essas pessoas são lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, falsidade ideológica, corrupção passiva e ativa, advocacia administrativa e contrabando e descaminho. As penas máximas previstas em caso de condenação chegam a 46 anos de prisão.



Edição: Tereza Barbosa

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Quinta, 21 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)