Cassilândia, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

Últimas Notícias

01/10/2015 20:15

Pivô de escândalo, João Amorim se entrega; Olarte segue foragido

Campo Grande News

O empresário João Amorim, acusado de comandar a organização para fraudar e desviar recursos públicos e de coordenar a cassação do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), entregou-se, por volta das 13h de hoje (1º) e vai ficar preso no preso no Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Assalto a Banco e Sequestros). Ele se entregou após a prisão ser decretada pelo desembargador Luiz Cláudio Bonassini da Silva, do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul).

Ontem, o magistrado decretou a prisão de Amorim e do prefeito afastado de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP). A prisão é temporária e vale por cinco dias. Como houve vazamento do pedido, o magistrado não informou o Gaeco da decisão e usou uma equipe da Polícia Militar do Poder Judiciário para notificar Olarte e Amorim.

Amorim e Olarte são investigados na Operação Coffee Break, que apura compra de vereadores para cassar o mandato de Alcides Bernal (PP).

O empresário também é investigado na Operação Lama Asfáltica, da Polícia Federal. Ele emprestava o jatinho para políticos. Só nas obras investigadas pela PF, o grupo de Amorim desviou R$ 11 milhões dos cofres públicos.

Como Amorim está preso, só Olarte é considerado foragido pela Justiça.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 20 de Janeiro de 2017
Quinta, 19 de Janeiro de 2017
20:48
Loteria
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Quarta, 18 de Janeiro de 2017
21:49
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)