Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/12/2010 06:53

Pesquisa revela que bancos geraram mais empregos, mas reduziram salário médio

Kelly Oliveira, Agência Brasil

Brasília - Os bancos que atuam no Brasil criaram 17.067 postos de trabalho entre janeiro e setembro de 2010, saldo resultante das 43.719 admissões e das 26.652 demissões, segundo dados da sétima edição da Pesquisa de Emprego Bancário (PEB), realizada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). No mesmo período de 2009, os bancos fecharam 2.076 postos de trabalho.

Apesar do aumento das contratações este ano, os trabalhadores do setor estão ganhando menos. De janeiro a setembro, a remuneração média dos admitidos (R$ 2.159,15) foi 38,28% inferior à dos desligados (R$ 3.498,38).

Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o sistema financeiro foi responsável por 0,77% do total de 2.201.406 postos criados por todos os setores da economia nos nove meses do ano.

A pesquisa revela que o saldo positivo do emprego nos bancos está concentrado nas faixas salariais mais baixas, com predominância para o segmento de 2,01 a três salários mínimos, que registrou um saldo de 19.589 postos de trabalho.

A partir desse patamar, todas as faixas apresentam saldo negativo de emprego, com destaque para o segmento de 5,01 a sete salários mínimos, em que houve a diminuição de 1.793 postos de trabalho.

Segundo a pesquisa, esse movimento se deve ao fato de a maior parte das admissões (59,65%) estar concentrada na faixa de dois a três salários mínimos.

No recorte por gênero, a pesquisa mostra que o saldo do emprego bancário entre janeiro e setembro de 2010 foi mais favorável às mulheres, com 9.085 vagas criadas (53,22%), enquanto para os homens o saldo foi de 7.985 (46,78%).

Os trabalhadores do sexo masculino representaram 50,53% das admissões e 52,94% dos desligamentos, enquanto a participação feminina correspondeu, respectivamente, a 49,47% e 47,06%.

Edição: Juliana Andrade


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)