Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/10/2004 14:12

Parlamentar defende especialização para ensino básico

Agência Câmara

O deputado Gilmar Machado (PT-MG), que participa da sessão solene da Câmara em homenagem ao Dia do Professor, defendeu, há pouco, a especialização dos profissionais do Magistério, principalmente os de ensino básico.
Machado assinalou que, atualmente, o nível de conhecimento é cada vez maior, mas que os profissionais da educação básica não têm condições de se licenciar para se especializar. "Parcela grande dos professores ainda não teve acesso ao ensino superior. Eles não têm tempo para se aperfeiçoar, para ampliar sua formação", garantiu.

Fundo para Educação
O parlamentar, que é professor e já foi presidente da Comissão de Educação e Cultura, defendeu também a implementação de um fundo para a educação básica, a exemplo do que já ocorre com o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef). "Devemos trabalhar pelo Fundeb, porque cada vez mais aumenta a demanda por vagas na educação infantil, em especial nas creches. Precisamos garantir o acesso das crianças ao ensino desde cedo", concluiu.

A sessão, que está sendo realizada no plenário Ulysses Guimarães, foi solicitada pelos deputados Carlos Abicalil (PT-MT), Neyde Aparecida (PT-GO), Wasny de Roure (PT-DF), Arlindo Chinaglia (PT-SP) e Chico Alencar (PT-RJ).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)