Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/12/2007 08:01

Para Conselho, redução da energia é aquém do esperado

Fernanda Mathias/Campo Grande News

O presidente do Conselho Estadual de Consumidores da Enersul, Ademar Silva Júnior, disse que a redução determinada ontem pela Aneel nas contas da Enersul, de 6,6% em média, está aquém do esperado. Ele afirma que a expectativa era que os consumidores também já fossem compensados pelas perdas do aumento além do devido, autorizado na revisão tarifária de 2003, entre os anos de 2004 e 2006. Porém, a decisão da Aneel somente considerou o reajuste deste ano. A Aneel determinou que o retroativo dos outros anos será analisado na revisão que será feita em abril de 2008.

“Esperávamos que a Aneel não somente reconhecesse o erro implícito, mas exigisse uma redução maior como compensação ao consumidor que durante cinco anos pagou por um aumento indevido”, disse. Ontem a Aneel corrigiu de 50,81% a 43,23% a revisão, confirmando que a empresa tinha superestimado o gasto com cabos, que foram avaliados por valores duas e até três vezes acima de seu valor de mercado.

Esta manhã, às 8h30, o Conselho de Consumidores terá uma reunião na Enersul. Eles querem saber de que forma se dará o repasse da queda de tarifa, determinado de forma imediata pela Aneel. Ademar afirma que a entidade também quer conhecer detalhadamente os critérios para a revisão de 2008, para evitar que o mesmo erro se repita, penalizando os consumidores. Com a queda de preço, a tarifa da Enersul que iniciou o ano como mais cara do País ficará em sexto lugar.

Quanto à determinação da Aneel, uma dúvida ficou no ar. Ontem a nota da reguladora informava que a queda de tarifa não contempla os 3% de redução concedidos voluntariamente pela Enersul em setembro, após pressão da CPI. Porém, durante a reunião, o diretor-geral da Aneel, Jerson Kelman, disse que essa redução seria levada em conta e o impacto médio ao consumidor seria de redução de 4% nas contas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)