Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/10/2014 17:31

Pai de 4 ganha licença-paternidade de 6 meses após morte de mulher no RS

G1

Pai de quatro crianças e único responsável pelos filhos, um morador de Pelotas, na Região Sul do Rio Grande do Sul, se tornou neste mês um dos poucos gaúchos com o direito a licença-paternidade. Após a morte da mulher ao dar à luz, ele obteve uma decisão judicial que assegurou o benefício para cuidar da filha recém-nascida.

Servidor público, Samuel Silveira reivindicou na Justiça os mesmos direitos concedidos às mães: o afastamento temporário do trabalho por seis meses. Na primeira semana de outubro veio a decisão judicial antes mesmo do fim do processo. Além de poder ficar em casa, Samuel tem o direito de receber o salário de R$ 780 durante todo o período.
"Foi um feito que eu achava que não teria a possibilidade de conseguir, mas por meio de pessoas que me incentivaram.

Diziam para eu tentar pois achavam que eu tinha direito. E eu corri atrás", afirmou. Após a morte da mulher, o servidor público não conseguiu manter a casa sozinho se mudou para a casa de uma amiga da familia, onde ele reside atualmente com os filhos. Com tempo, em função do benefício, ele diz que pretende não só cuidar das crianças mas também organizar a vida da família.

"A pessoa deve procurar orientação através de um advogado da Defensoria Pública para que possa exercer o seu direito e chegar mais casos ao judiciário. Porque é um caso que interessa ao estado, protege o direito da criança e também iguala homens e mulheres perante a lei", ressaltou o defensor público Igor Menini.

De acordo com a Defensoria Pública de Pelotas, os casos são comuns, mas por desaconhecerem o que a lei prevê, a população não costuma buscar ajuda. Menini diz que a decisão favorável a Samuel foi a primeira do gênero na história do município. "É de interesse do estado que essa família se mantenha unida, os laços biológicos entre pai e filha", avaliou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)