Cassilândia, Quarta-feira, 08 de Abril de 2020

Últimas Notícias

01/03/2020 06:30

Operação desmonta “quartel” do PCC com aparato militar internacional

Campo Grande News
O quartel do PCC entre as 4 casas varridas em operação (Foto: Divulgação)O quartel do PCC entre as 4 casas "varridas" em operação (Foto: Divulgação)

Operação do Senad, a Secretaria Especial Antidrogas do Paraguai, desarticulou o que as primeiras investigações indicam ser forte aparelho logístico utilizado por chefões do PCC (Primeiro Comando da Capital) na fronteira entre o Brasil e o Paraguai. As prisões ocorreram em Capitan Bado, separada por uma rua de Coronel Sapucaia, a 400 km de Campo Grande, neste sábado (29).

Na lista de 10 prisões citadas até agora, uma é de brasileiro foragido da Justiça brasileira e apontado como forte liderança dentro da facção. João Paulo Silva Gomes, 28, é natural de São Paulo, segundo a Senad, e foi preso em uma das 4 casas que passaram por varredura dos agentes desde a madrugada no bairro Chaco, em Capitan Bado, província de Amambay.

Entre os presos, 8 seriam brasileiros do PCC, segundo o site MS em Foco. O site ainda afirma que toda a operação foi articulada em torno da figura de João Paulo. Além dele, os agentes também prenderam um paraguaio de 27 anos identificado como Leandro Arce Cantaluppi, nascido em Capitan Bado e foragido da Justiça paraguaia. Conforme o portal, Leandro seria o responsável pela logística e o fornecimento de armas para os membros do PCC.

Quartel do PCC e maconha – Na casa onde a polícia prendeu João Paulo, os agentes encontraram diversos aparatos de uso militar, incluindo equipamentos de uso restrito de forças internacionais, como uma granada identificada com símbolo da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) e colete de uso tático a prova de balas, de cor cáqui, com a inscrição “montanha” na região do peitoral.

O MS em Foco citou o local como “quartel” do PCC e afirma que toda a ação contou com a participação de dezenas de policiais e promotores e que ao menos três residências foram “varridas” pelos agentes durante a madrugada. Dentro do “quartel”, 245 quilos de maconha estavam guardados.

Até carros importados – Além da carga de maconha e de todo o aparato militar, os agentes também apreenderam dois carros importados, incluindo uma mitsubish modelo outlander e um audi modelo Q5, avaliado em mais de R$ 250 mil. Os dois veículos têm placas do Paraguai. No total, segundo o site, 10 veículos foram apreendidos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 08 de Abril de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)