Cassilândia, Quinta-feira, 19 de Abril de 2018

Últimas Notícias

31/07/2012 07:34

Olimpíadas: cadeiras vazias repercutem mal em Londres

Danilo Macedo, EBC

Londres – Na transmissão dos Jogos Olímpicos de Londres, uma imagem tem chamado tanta atenção do público britânico quanto a apresentação dos atletas. Nos estádios de futebol, arenas de natação e ginástica, entre outros centros esportivos, é possível ver fileiras inteiras da arquibancada vazias. A imprensa local trata o problema como o “fiasco dos assentos vazios”.

Os lugares desocupados podem ser vistos em competições que, supostamente, tiveram todos os ingressos vendidos. A população, que antes do início dos Jogos já reclamava da dificuldade para consegui-los, não gostou do que viu. A organização do evento responsabiliza atletas, representantes de federações esportivas e patrocinadores por não estarem comparecendo às áreas reservadas a eles.

O inglês James Fraser, que foi hoje (30) com os filhos ao Hyde Park, onde está um dos telões espalhados pela cidade que transmitem ao vivo as provas, para “sentir o clima olímpico”, disse que não faz sentido haver lugares vazios nos locais de competições. “Isso é frustrante porque muitas pessoas enfrentaram filas e não conseguiram comprar ingressos e vemos pela televisão um monte de fileiras vazias. Eu queria ir com meus filhos assistir alguns jogos e não tem ingressos”, contou ele, acrescentando que os ingressos que restam estão muito caros.

O brasileiro Carlos Eduardo Souza, de Campinas (SP), veio com a namorada assistir às Olimpíadas. Ele disse que foi ao jogo do tenista suíço Roger Federer, um dos melhores jogadores da história, e ficou impressionado com a quantidade de assentos vazios na área restrita. “Os lugares a preços mais populares estavam cheios, mas os para os VIPs estavam vazios. É estranho porque os melhores lugares, mais próximos dos atletas, ficam vazios, e deve ser ruim até para o atleta”, disse.

O presidente do Comitê Organizador das Olimpíadas de Londres, Sebastian Coe, disse em entrevista coletiva que as cadeiras vazias nas áreas restritas são normais na fase inicial e acha que não será um problema no decorrer da competição. Apesar disso, para reduzir a repercussão negativa, professores e crianças em idade escolar, além de oficiais das Forças Armadas em folga começaram a ser trazidos para ocupar parte desses lugares.

Coe também afirmou que serão colocados mais ingressos à venda e adotado um sistema em que as pessoas que deixarem os estádios antes do fim das competições poderão passar seus tíquetes a outras que estiverem do lado de fora, como já foi feito no torneio de tênis de Wimbledon, realizado na capital inglesa.

O ministro britânico da Cultura e do Esporte, Jeremy Hunt, disse à emissora pública de televisão BBC que a questão é “muito decepcionante” e que os ingressos que não forem usados pelos patrocinadores devem ser disponibilizados ao público.

Edição: Carolina Pimentel

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 19 de Abril de 2018
Quarta, 18 de Abril de 2018
Terça, 17 de Abril de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)