Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/09/2014 08:45

OAB/MS cria Comissão de Celeridade Processual

TJMS

A morosidade na Justiça é um dos principais entraves apontados pela advogados. Além da classe, o cidadão também é prejudicado pela lentidão no andamento dos processos. Diante dessa situação, a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS) nesta sexta (29), criou uma comissão que atuará efetivamente em favor da celeridade processual.

De iniciativa do conselheiro Claudio Guimarães, a Comissão Temporária de Celeridade Processual foi aprovada por unanimidade pelo corpo de conselheiros. “Essa ideia parte da vontade de solucionar o problema da morosidade.

Estamos atentos e preocupados com essa situação e queremos ajudar a resolvê-la”, destaca Claudio. Conforme o advogado, a Comissão terá efetividade principalmente por “incluir um elemento humano que servirá como interlocutor entra a OAB/MS e o Poder Judiciário”.

Para o presidente da OAB/MS, Júlio Cesar Souza Rodrigues, a iniciativa é vanguardista e de extrema importância para a classe. “É uma preocupação da Seccional, por isso disponibilizamos dois canais para o recebimento de comunicações de morosidade nos processos”, afirmou Júlio César fazendo referência ao SOS Morosidade e Reclame OAB, disponíveis no site da instituição.

O vice-presidente da Seccional, Mansour Karmouche, parabenizou a iniciativa que considera um exemplo que servirá para o futuro. O secretário-geral, Lázaro José Gomes Júnior, considerou a criação da Comissão de extrema importância para a advocacia sul-mato-grossense.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)