Cassilândia, Sábado, 18 de Agosto de 2018

Últimas Notícias

01/09/2014 08:45

OAB/MS cria Comissão de Celeridade Processual

TJMS

A morosidade na Justiça é um dos principais entraves apontados pela advogados. Além da classe, o cidadão também é prejudicado pela lentidão no andamento dos processos. Diante dessa situação, a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS) nesta sexta (29), criou uma comissão que atuará efetivamente em favor da celeridade processual.

De iniciativa do conselheiro Claudio Guimarães, a Comissão Temporária de Celeridade Processual foi aprovada por unanimidade pelo corpo de conselheiros. “Essa ideia parte da vontade de solucionar o problema da morosidade.

Estamos atentos e preocupados com essa situação e queremos ajudar a resolvê-la”, destaca Claudio. Conforme o advogado, a Comissão terá efetividade principalmente por “incluir um elemento humano que servirá como interlocutor entra a OAB/MS e o Poder Judiciário”.

Para o presidente da OAB/MS, Júlio Cesar Souza Rodrigues, a iniciativa é vanguardista e de extrema importância para a classe. “É uma preocupação da Seccional, por isso disponibilizamos dois canais para o recebimento de comunicações de morosidade nos processos”, afirmou Júlio César fazendo referência ao SOS Morosidade e Reclame OAB, disponíveis no site da instituição.

O vice-presidente da Seccional, Mansour Karmouche, parabenizou a iniciativa que considera um exemplo que servirá para o futuro. O secretário-geral, Lázaro José Gomes Júnior, considerou a criação da Comissão de extrema importância para a advocacia sul-mato-grossense.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 17 de Agosto de 2018
09:00
Santo do dia
08:20
Cassilândia
Quinta, 16 de Agosto de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)