Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/04/2008 18:32

O Palmeiras tem 21 ou 23 títulos?

Jota Christianini – Dpto. de história SEP

O palmeirense tem que ter em mente que no próximo domingo poderá conquistar o 24º título de CAMPEÃO PAULISTA DE FUTEBOL.

A Federação Paulista de Futebol só computa os títulos que ela patrocinou, ou seja, a partir de 1940. Todas as outras conquistas são listadas por repetição já que não se conhece trabalho profundo de pesquisa. Por isso há título, com o atribuído ao "leal adversário'' de 1916 que se refere a um torneio de menor importância, que sequer terminou, só teve as primeiras sete rodadas.

No entanto e os motivos disso acontecer são insondáveis; não são atribuídos ao PALESTRA ITÁLIA os títulos de 1926 - nesse ano tiveram três campeonatos paulista, o Paulistano ganhou um - da liga que ele mesmo criou - e o PALESTRA ITÁLIA ganhou os outros dois.

O mesmo ocorreu em 1938. A Liga paulista que dominava o futebol na época fez realizar um campeonato paulista simultânea a Copa do mundo que aconteceu na França, o PALESTRA ITÁLIA ganhou, vencendo a final do Corinthians, depois de dois jogos que somaram 230 minutos, já que as foram realizadas, além do tempo normal, duas prorrogações de 25 minutos cada. Outro campeonato aconteceu em 1938. Previsto para dois turnos só teve um e o jogo final, entre SPFC e Corinthians, teve gol com a mão.

Mesmo com todos esses percalços lista-se esse campeonato e não aquele vencido pelo PALESTRA, o que caracterizava um torneio oficial: além do torneio principal; o torneio início e o campeonato de segundos quadros, tradicional na época e muito apreciado pela imprensa e pelos torcedores. O de 26 e o de 38 tiveram tudo isso.

O Palmeiras há algum tempo mandou para a FPF um dossiê completo da lavra de Fernando Gallupo, Julio Ragazzi e Henrique Campi (muitas informações foram aqui aproveitadas) relatando, com amplos detalhes, todas as argumentações para oficialização desses título. Estranhamente o presidente Del Nero não se pronunciou até hoje e vejam que, imagino, ele tenha muito a ver, principalmente, com o time de 38.

CAMPEONATO PAULISTA EXTRA 1926

Em 1926 a APEA realizou dois campeonatos paulistas; ambos vencidos de forma brilhante e invicta pelo PALESTRA ITÁLIA.

O primeiro, o PALESTRA venceu sem dó nem piedade; foi disputado por 10 equipes.

E o esquadrão palestrino disputou 9 partidas e venceu as 9, marcando 33 gols, sofrendo apenas 8; portanto venceu todos os pontos em disputa.

Classificaram-se a seguir: Auto, Corinthians, Santos, Silex, Sírio, Ypiranga, Portuguesa, São Bento e Internacional.

O certame terminou em cinco de setembro de 26 e a APEA, a federação da época, resolveu realizar mais um campeonato paulista que começou ainda em 1926 e terminou no começo de 27. A medida foi tomada pela associação para manter em atividades os clubes de futebol a ela filiados já que o Paulistano havia saído da liga por questões menores e por perder a forte influência que sempre mantivera na política do futebol - e resolvera fazer aquilo que, no dizer de André Fontenelli, sabia bem; fundar outra liga.

Precisa-se entender os parâmetros da época. O que diferenciava uma campeonato oficial de torneios amistosos, que existiam aos montes, era o torneio início e o campeonato de segundos quadros (aspirantes para "nossotros") que alias tinha muita importância, pois o público o acompanhava com o mesmo interesse dos jogos dos times principais, e a APEA cumpriu o cardápio.

Realizou o Torneio Início com o Santos obtendo o título e o Palestra na segunda colocação, a título de curiosidade estes foram os resultados do PALESTRA ITÁLIA nesse initium:

PALESTRA ITÁLIA 1 x 0 Auto F.C.
PALESTRA ITÁLIA 4 x 0 A.A. São Bento
PALESTRA ITÁLIA 0 x 1 Santos F.C. (final)

Realizou-se concomitantemente ao campeonato principal o dos segundos quadros também vencido pelo PALESTRA ITÁLIA.

O CAMPEONATO PAULISTA EXTRA teve os seguintes participantes. : Palestra Itália, Auto F.C., Internacional, São Bento, Portuguesa de Desportos, Ypiranga, Sírio, Sílex, Santos e Corinthians. Conforme previa o regulamento, estes clubes foram divididos em dois grupos, denominados "série par" e "série ímpar". Todos jogaram contra todos em seus respectivos grupos. O clube campeão da "série par" enfrentaria o campeão da "série ímpar", sendo o vencedor desse embate declarado Campeão Paulista.

Estes foram os jogos do Palestra em sua chave

12/12/26 - PALESTRA ITÁLIA 5 x 3 A.A. São Bento
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Imparato, Carrone (2), Heitor (2)
Palestra: Primo, Bianco, Loschiavo, Pepe, Xingo, Serafini, Tedesco, Carrone, Heitor, Imparato, Melle

09/01/27 - PALESTRA ITÁLIA 4 x 2 Sílex
Estádio da Ponte Grande
Gols do Palestra: Imparato, Tedesco, Carrone, Bianco
Palestra: Primo, Bianco, Loschiavo, Pepe, Amílcar, Serafini, Tedesco, Carrone, Heitor, Imparato, Melle

23/01/27 - PALESTRA ITÁLIA 6 x 3 Portuguesa de Desportos
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Imparato II, Carrone, Xingo, Bianco, Amílcar, Miguel
Palestra: Primo, Bianco, Pepe, Xingo, Amílcar, Serafini, Tedesco, Carrone, Miguel, Imparato II, Perillo

Esse resultado garantiu o Palestra como campeão da série ímpar, credenciando-o à finalíssima, disputada em fevereiro de 27 diante do Sírio que havia vencido a outra chave

13/02/27 - PALESTRA ITÁLIA 1 x 0 Sírio (final)
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Amílcar
Palestra: Primo, Bianco, Pepe, Xingo, Amílcar, Serafini, Tedesco, Heitor, Miguel, Carazzo, Perillo

**** PALESTRA ITÁLIA CAMPEÃO PAULISTA 1926 - INVICTO ****

Jogos: 04; Vitórias: 04; Empates: 00; Derrotas: 00
Gols Pró: 16
Gols Contra: 08
Saldo de Gols: 08
No ano seguinte, 1928, os jornais da época, como a Folha da Manh㠖 atual Folha de São Paulo -, tratavam o Palestra como Tri Campeão Paulista, pelas conquistas dos campeonatos paulista de 1926 - os dois realizados - e o de 1927.
--------------------------------

CAMPEONATO PAULISTA EXTRA 1938

Iniciado em 10/04/1938, o Campeonato Paulista Extra foi organizado pela Liga Paulista de Futebol, entidade máxima do futebol paulista, a qual precedeu a atual Federação Paulista de Futebol e destinava ao campeão a Taça Dr. Arthur Tarantino. O certame paulista extra foi realizado durante a realização do Campeonato Mundial de 1938.

Os times foram divididos em 3 grupos: A, B, C.
O grupo do Palestra Itália era composto pelas seguintes equipes: São Paulo F.C., Hespanha (atualmente Jabaquara de Santos) e Ipiranga.
As outras duas chaves foram formadas pelas seguintes equipes:

Corinthians, Juventus, Lusitano, Santos, SPR (atual Nacional), Portuguesa de Desportos, Portuguesa Santista e Estudantes Paulista.

O regulamento previa que todas as equipes de seus grupos jogassem entre si em turno e returno, classificando-se para a fase final o primeiro colocado de cada grupo.
A imprensa especializada da época tratou a competição com toda a pompa e prestígio.

O historiador e jornalista Rubens Ribeiro, em seu livro Caminho da Bola, Vol. I deu um amplo espaço a respeito da competição, onde relaciona todos os jogos, considerando que o autor é historiador oficial da Federação paulista de Futebol fica nítido a importância daquele certame.

Foram mais de 30 partidas envolvendo todas as doze equipes filiadas na primeira divisão. A final entre Palestra Itália e Corinthians foi disputada em duas empolgantes partidas. A cidade parou, mesmo com a Seleção Nacional em plena disputa na Copa do Mundo. Os jornais, como a Folha da Manhã, por exemplo, deram destaque de capa a competição! Frise-se que o outro campeonato paulista, também iniciado em 1938, teve o seu desfecho de forma apagada e no ano seguinte, sem que o segundo turno, que estava previsto, fosse concluído.

Tomás Mazzoni, historiador e um dos maiores jornalistas esportivos, em sua obra História do Futebol no Brasil 1894 a 1951, na página 277 dá o mesmo destaque, sem distinção em termos de importância, ao Campeonato Paulista Extra e o campeonato vigente (o qual. houve apenas um turno), quando relaciona os campeões das competições estaduais de todo o país lado a lado, o que evidencia que em 1938 as duas competições representaram de fato o Campeonato Paulista oficial.

Portanto, Palestra Itália e Corinthians são os campeões paulistas de 1938, cada qual vencendo um dos dois campeonatos paulista promovidos naquele ano.

Campanha do PALESTRA ITÁLIA Campeão Paulista de 1938:

24/04/1938 - PALESTRA ITÁLIA 3 x 2 Ipiranga
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Mathias, Barrilotti (2)

01/05/1938 - PALESTRA ITÁLIA 1 x 0 Hespanha
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Mathias

05/06/1938 - PALESTRA ITÁLIA 4 x 2 São Paulo
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Barrilotti, Rolando (2), Annibal (contra)

22/06/1938 - PALESTRA ITÁLIA 4 x 0 Ipiranga
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Feitiço e Rolando 3

27/06/1938 - PALESTRA ITÁLIA 0 x 1 Hespanha
Estádio do Hespanha, em Santos

10/07/1938 - PALESTRA ITÁLIA 3 x 0 São Paulo
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Feitiço, Barcelona, Mathias

Com esse resultado o Palestra sagrou-se campeão do seu grupo e classificou-se para a semifinal.

31/07/1938 - PALESTRA ITÁLIA 1 x 1 S.P.R. (semifinal)
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Barcelona
Esse jogo teve 140 minutos, sendo 2 tempos de 45, mais 2 prorrogações de 25. Como não teve vencedor, realizou-se uma nova partida na semana seguinte.

07/08/1938 - PALESTRA ITÁLIA 3 x 0 S.P.R. (semifinal)
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Barrilotti, Rolando, Filó
Com esse resultado o Palestra qualificou-se às finais da competição.

21/08/1938 - PALESTRA ITÁLIA 0 x 0 Corinthians (final)
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: não houve
Palestra: Jurandyr, Carnera, Junqueira, Ruiz, Gogliardo, Del Nero, Filó, Luizinho Mesquita, Barrilotti (Octávio), Rolando (Canhoto), Mathias
Por causa do empate aconteceram duas prorrogações de 25 minutos, perfazendo 140 minutos de jogo. Não tendo havido vencedores marcaram mais uma partida desempate.

18/09/1938 - PALESTRA ITÁLIA 2 x 1 Corinthians (final - partida desempate)
Estádio Palestra Itália
Gols do Palestra: Barrilotti, Rolando
Palestra: Jurandyr, Carnera, Junqueira, Ruiz, Gogliardo (Dudu), Del Nero, Filó, Luizinho Mesquita, Barrilotti (Feitiço), Rolando, Mathias

**** PALESTRA ITÁLIA CAMPEÃO PAULISTA EXTRA 1938 ****

Campanha

Jogos: 10; Vitórias: 07; Empates: 02; Derrotas: 01
Gols Pró: 21
Gols Contra: 07
Saldo de Gols: 14

Curiosidades

- O Segundo Quadro do Palestra Itália também se sagrou CAMPEÃO PAULISTA EXTRA de 1938 ao vencer o Corinthians na final por 1 a 0 no dia 21/08/1938.
O resultado mais expressivo do "segundo" foi à vitória por 10 a 0 sobre o segundo quadro do São Paulo F.C., em 10/07/1938.
- O fato curioso é que o gol do título marcado pelo centroavante Rolando na final contra o Corinthians furou a rede.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)