Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/10/2012 20:46

Novoperário vence Corumbaense e conquista acesso

Campo Grande News

Dramático. Assim foi o jogo final que deu o título da Série B do Campeonato Sul-mato-grossense de Futebol de 2012 ao Novoperário. O novo clube campo-grandense, que tem apenas dois anos de existência, ganhou do Corumbaense de virada, por 2 a 1. Ambos os times vão jogar a Série A do Estadual em 2013.

O jogo foi disputado nesta tarde de quinta-feira (11), no estádio Jacques da Luz, em Campo Grande. No último sábado (6), o Corumbaense venceu por 1 a 0, no estádio Arthur Marinho, em Corumbá. O empate de gols na soma dos dois resultados dava o título ao Novoperário.

Além disso, o a conquista veio justamente na data de fundação do Novopérário, que foi criado no dia 11 de outubro de 2010, sendo presidido deste então por Américo Ferreira. O público da partida desta final foi de 1563 pessoas, sendo 1044 pagantes. A renda foi de R$ 9.895.

Quem abriu o placar foi o Corumbaense, aos três minutos do primeiro tempo, com Williams. Serginho empatou para o Novoperário aos 15 minutos do segundo tempo, enquanto aos 20, Maycon fez o gol da virada.

O jogo – O Novoperário já começou pressionando o Corumbaense, buscando criar a primeira chance de gol do jogo. Porém, logo aos três minutos de bola rolando, o time visitante aproveitou a chance e abriu o placar com o Willians, de cabeça, após escanteio.

A partir daí, o Corumbaense se comportou muito melhor em campo, marcando forte o meio-campo dos campo-grandenses e forçando vários erros de passe. Com estes erros, o clube do interior conseguia criar bons contra-ataques.

No decorrer do jogo, o Novoperário passou a apostar nos lançamentos longos, quase sempre tendo o atacante Serginho, um dos destaques do jogo, como alvo. Um gol do time foi anulado pelo árbitro auxiliar, o que gerou reclamações e divergências se realmente foi impedimento.

Por duas vezes, o time casa quase empatou. Na primeira, Serginho perdeu o gol cara a cara com o goleiro. Já na segunda, o meio-campista Alex Sandro perdeu um gol sozinho na pequena área, com o gol aberto.

Segundo tempo – Na segunda etapa do jogo, o time do Novoperário voltou melhor e pressionou com mais consistência os adversários, não dando chances. O empate veio aos 15 minutos, após Serginho acertar um belo chute de fora da área no ângulo direito do goleiro Edmar.

A partir de então, empurrados pela torcida, os campo-grandenses partiram para cima dos corumbaenses, buscando o gol que daria o primeiro título do clube. A virada veio já so 20 minutos, após cobrança de escanteio em que o zagueiro Maycon subiu mais alto para cabecear para a rede do Corumbaense.

Com a vantagem no placar, o Novoperário diminuiu o ritmo de jogo e aos poucos recuou, apostando em rápidos e perigosos contra-ataques. O Corumbaense, sem outra opção, foi todo para o ataque. Entretanto, só conseguir dar chutões, todos interceptados pela defesa da casa.

Próximo do final do jogo, alguns gandulas começaram a atrasar o jogo, alegando falta de bolas, e foi necessária a intervenção de um diretor da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul) para redistribuir as bolas.

“Tão escondendo as bolas. Se quer ganhar, tem que ser na bola”, disse o dirigente. Além disso, uma bola foi jogada para dentro de campo visando interromper a partida. O goleiro do Corumbaense conseguiu retirá-la de campo antes que o árbitro parasse o jogo.

Mas após os quatro minutos de acréscimos dados pelo árbitro Thiago Alencar, o torcedor do Novoperário pôde soltar o grito de campeão. Alguns deles entraram em campo para comemorar junto ao time.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)