Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/05/2015 07:40

Notificações de casos de dengue disparam e registros quase dobram em 3 semanas

Dourados News
Notificações de casos de dengue disparam e registros quase dobram em 3 semanas

O número de notificações de casos de dengue em Dourados disparou nas ultimas três semanas. O aumento no período é de 85% de acordo com análise nos dados divulgados nos boletins da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul.

O total que quase dobra em pouco tempo passa de 361 notificações na semana de 05 a 11 de abril, para 574 na semana de 19 a 25 de abril, “saltando” para 667 de 26 de abril a 02 de maio.

O número assusta também a nível de Mato Grosso do Sul, onde o Estado enfrenta epidemia da doença. No ano passado, 9.256 contraíram a doença e nos primeiros quatro meses deste ano, a quantidade saltou para 19.187, ou seja, mais que o dobro da quantidade.

O gerente do núcleo de controle de epidemia do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) de Dourados, Devanildo de Souza, explica que não há causas concretas para a elevação nas notificações de um ano para outro. De acordo com ele, o fator deveria ser melhor investigado.

“Não podemos citar motivos certos para isso, pesquisadores da área é que podem se aprofundar mais nesse quesito”, comenta.

Já em relação ao “salto” de notificações no município em cerca de 20 dias, o gerente do núcleo afirma que se deve ao “fechamento” do ciclo do verão que pode estar associado também ao descuido da população.

“Passamos pela fase de chuvas e calor finais da estação que antecede o começo do frio e isso sempre ocasiona essa elevação. Penso que a falta de atenção também possa ter contribuído nisso”, comenta.

No topo do ranking de maior número de notificações da doença estão as cidades de Iguatemi, Sonora e Selvíria. Dourados ocupa a 44° posição nesta lista e tem a incidência considerada média diante da proporção populacional.

Os bairros nos quais a situação mais preocupa são: Parque Alvorada, Parque das Nações II e Jóquei Clube. Devanildo cita que nestes locais as ações de prevenção e combate do CCZ tem sido intensificadas mas, que o estado de alerta vale para todo município.

“Nestes bairros tem mais incidência, mas, a dengue está bem espalhada e por isso todos devem manter os cuidados”, destaca.

Devanildo destaca que acredita que a partir de agora este número deve diminuir. O motivo é a chegada do inverno, estação que não é “atrativa” ao Aedes Aegipty transmissor da doença.

“O tempo agora já não favorecerá muito a reprodução do transmissor que gosta do clima úmido e com chuvas e o número de notificações deve cair bastante”, destaca.

ÓBITO SUSPEITO DEU NEGATIVO

Não há registro de casos de óbitos pela doença este ano em Dourados. No dia 26 passado, um jovem de 17 anos morreu com suspeita da doença na cidade. Ele morava em Laguna Carapã apresentou sintomas e se tratou em um hospital naquele município, posteriormente foi trazido para o Hospital da Vida para ser acompanhado e depois veio a óbito com suspeita de dengue, porém, Devanildo afirma que os exames não confirmaram o fato.

“Três exames da doença no jovem deram negativos. Não se tem casos de óbitos”, pontua.

FORMAS DE PREVENÇÃO

Os cuidados para prevenir a dengue já são bastante conhecidos por todos, porém, é sempre bom ressaltá-los. São eles:

1-Mantenha bem tampados: caixas, tonéis e barris de água.

2 - Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira sempre bem fechada.

3 - Não jogue lixo em terrenos baldios.

4 - Se for guardar garrafas de vidro ou plástico, mantenha sempre a boca para baixo.

5 - Não deixe a água da chuva acumulada sobre a laje.

6 - Encha os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda.

8 - Se for guardar pneus velhos em casa, retire toda a água e mantenha-os em locais cobertos, protegidos da chuva.

9 - Limpe as calhas com freqüência, evitando que galhos e folhas possam impedir a passagem da água.

10 - Lave com freqüência, com água e sabão, os recipientes utilizados para guardar água, pelo menos uma vez por semana.

11 - Os vasos de plantas aquáticas devem ser lavados com água e sabão, toda semana. É importante trocar a água desses vasos com freqüência.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)