Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/02/2004 08:21

Nilson Naves critica ingerência externa no Judiciário

Marcelo Cordeiro/STJ

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Nilson Naves, afirmou ontem que se fosse membro do Supremo Tribunal Federal não teria dúvidas em decretar a inconstitucionalidade de um órgão de controle externo do Judiciário. Para Naves, o Poder deve ter um controle, mas ele tem que ser exercido por membros do próprio Judiciário, sob pena de se ferir o artigo 2º da Constituição que trata de independência dos poderes.

A afirmação do ministro Nilson Naves foi feita à saída da solenidade de abertura do ano judicial realizada na manhã de ontem no Supremo. Naves elogiou o discurso de abertura feito pelo presidente do STF, ministro Mauricio Corrêa, que também se declarou contrário a um controle externo do Judiciário. O presidente do STJ disse ainda que já existe uma proposta de emenda tramitando no Congresso criando o Conselho Nacional de Justiça formado por membros do próprio Judiciário.

Na proposta citada por Naves, que foi encaminhada pelo STJ ao Legislativo, está prevista a participação de um ministro do Supremo (presidente do Conselho), um ministro do STJ (corregedor), um ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), um ministro do Superior Tribunal Militar (STM), dois desembargadores e um membro de Tribunal Regional Federal. Ao todo, sete conselheiros responsáveis não só pela corregedoria de todo o Judiciário, mas do planejamento das ações que devem ser desenvolvidas para melhoria do Poder.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)