Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

20/05/2013 15:21

Nepal nega autorização para brasileiro voar de parapente no Everest, mas ...

Renata Giraldi

Brasília – Pouco antes de seguir hoje (20) rumo ao cume do Everest, a montanha mais alta do mundo, com mais de 8 mil metros de altura, o alpinista brasileiro Rodrigo Raineri, de 43 anos, recebeu ordem do governo nepalês para cancelar o voo de parapente que estava planejado no local. As autoridades do Nepal informaram que a suspensão da autorização ocorreu devido a questões técnicas.

Raineri, porém, conseguiu seguir viagem para alcançar o cume da montanha, pela terceira vez, acompanhado agora por mais três brasileiros: Joel Kriger, Carlos Canellas e Carlos Santalena. O grupo subiu em direção ao alto da montanha por volta do meio-dia de hoje e enfrentando temperatura de 25 graus Celsius negativos. A previsão é que os quatro cheguem por volta da meia-noite no Everest, localizado na Cordilheira do Himalaia, entre a China e o Tibet.

“Vamos pintar o Everest de verde e amarelo”, brincou o alpinista, segundo sua assessoria de imprensa. “Vamos chegar [os quatro] juntos, estamos motivados, com a emoção à flor da pele. E, para mim é muito especial ser o único brasileiro a chegar no ponto mais alto do planeta três vezes. A expectativa é muito boa”, disse ele.

Raineri é um dos montanhistas mais experientes do Brasil e quer ser a primeira pessoa na história a fazer um voo solo de parapente a partir do Everest. Há dois meses, o alpinista negocia com o governo nepalês a escalada à montanha e inclusive leva, na mochila, as bandeiras do Brasil e do Nepal.

“O processo estava encaminhado há dois meses, com ajuda do Itamaraty [Ministério das Relações Exteriores] e do Ministério do Esporte brasileiro. O governo nepalês nos sinalizou que estava tudo certo, inclusive quando cheguei aqui, isso foi reforçado. Mas depois veio a negativa”, contou o alpinista, por intermédio de sua assessoria. “É mesmo uma pena porque o clima está bem favorável e eu tenho 95% de certeza que se chegasse lá com o parapente faria a decolagem.”

Ex-professor universitário de engenharia, Raineri mantém na internet uma página sobre seus desafios e também informa por meio da rede social facebook o passo a passo da sua viagem.

 

Acompanhe a aventura pelo facebook clicando aqui

Edição: Denise Griesinger

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)