Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/01/2016 18:00

MS recebe R$ 1,9 milhões para combate ao Aedes aegypti e a microcefalia

Midiamax

O Governo Federal vai repassar R$ 500 milhões aos municípios para que intensifiquem as ações de combate ao Aedes aegypti e ao tratamento de crianças com microcefalia. Mato Grosso do Sul deve receber R$ 1,9 milhões a serem destruídos entre os 79 municípios.

Conforme publicação do Ministério da Saúde, ao todo serão R$ 1,27 bilhão destinado as ações de vigilância em saúde. A liberação do recurso foi sancionada nesta sexta-feira (15). A este montante será adicionado R$ 600 milhões destinados à Assistência Financeira Complementar da União para os Agentes de Combate às Endemias.

Já para intensificar as ações e medidas de vigilância, prevenção e controle da dengue, febre chikungunya e Zika, foram aprovados R$ 500 milhões extras, dos quais, R$ 143,7 milhões já foram liberados. A região Sudeste ficou com a maior parte do benefício, pouco mais de R$ 50 milhões, sendo R$ 19 só para o Estado de São Paulo.

O Nordeste vai receber R$ 44 milhões. Para o centro-oeste serão destinados R$ 11,6 milhões. MS recebe o segundo menor repasse, perdendo apenas para o Distrito Federal.

Ainda segundo o ministério, o recurso foi garantido em portaria publicada no dia 23 de dezembro do ano passado, mas só foi repassado no início desta semana. Ainda não há previsão para o restante do repasse e nem a quantidade que será destinada a cada região.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)