Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

16/10/2007 14:40

MS ainda lidera ranking da dengue

Ao lançar nesta terça-feira (dia 16) a nova campanha nacional de combate à dengue em Minas Gerais, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, apresentou números estatísticos que comprovam que Mato Grosso do Sul ainda é o Estado com o registro do maior número de casos neste ano, totalizando 72 mil.

Temporão admitiu que todo o país enfrenta uma epidemia de dengue e ponderou que a doença já matou mais de cem pessoas neste ano. "É epidemia mesmo. Não é possivel. Neste ano, 121 pessoas já morreram", disse o ministro.

"Eu diria que nós estamos perdendo a guerra para a doença. Essa epidemia é preocupante por vários motivos, principalmente pelas características do vírus. Existem quatro sorotipos e três já circulam no país. Essa doença pode matar e só será enfrentada adeqüadamente se houver uma grande mobilização da sociedade", afirmou Temporão.

De janeiro a setembro deste ano, Minas Gerais já registrou quase 39 mil casos de dengue; o Paraná, quase 45 mil; o Rio de Janeiro, mais de 51 mil; e São Paulo, mais de 64 mil.

Os dados do Ministério da Saúde comprovam que a pior situação é a de Mato Grosso do Sul, com mais de 72 mil casos da doença. Em todo o pais são 481 mil casos de dengue nos nove primeiros meses deste ano. Cinquenta por cento a mais do que no mesmo periodo do ano passado.

Contra-ataque

Neste ano, o prefeito Nelsinho Trad investiu em novas ações para a combater a dengue. Após mapear as regiões da cidade, a Prefeitura lançou mutirões de limpeza, começando pela região do Aero-Rancho, principal foco da epidemia registrada no verão passado.

Os mutirões atualmente percorrem todas as regiões da cidade, bem como tem sido intensificadas as campanhas educações e de orientação, junto as associações de moradores e estabelecimentos educacionais.

Na última segunda-feira, em companhia do governador André Puccinelli, o prefeito Nelsinho Trad esteve no Rio de Janeiro acertando a implantação de um Centro Tecnológico da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) para Campo Grande, para auxiliar no combate não só da dengue, como também da leishimaniose e outras enfermidades infecto-contagiosas.



Midiamax / G1

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)