Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/01/2008 12:29

MPF exige retificação em concurso do INSS

Maria Carolina Lopes/24horasnews

O Ministério Público Federal (MPF) exige que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) retifique o edital do concurso publicado em dezembro de 2007. Isso porque a seleção determina que, para disputar o cargo de analista do seguro social, o candidato pode ter formação em qualquer área do ensino superior, com exceção dos cursos contemplados em outros cargos do mesmo edital. Com a regra, pessoas com formação em uma das 16 áreas do conhecimento não poderão se inscrever para o posto de analista de seguro social, apenas para outras oportunidades oferecidas pelo INSS.

O procurador da República no Tocantins, João Gabriel Morais, considera que a exclusão dos cargos cria uma “reserva de mercado”.Ele recomenda ao INSS e Cespe que modifiquem o edital. Morais argumenta ainda que não há uma justificativa legal para excluir os graduados de outros cursos e que a norma viola o princípio da acessibilidade aos cargos públicos e da isonomia.

Com a regra estabelecida pelo INSS, formados em arquitetura, arquivologia, biblioteconomia, ciência da computação, ciências atuariais, comunicação social, direito, engenharia civil, engenharia civil, mecânica ou elétrica com especialização em segurança do trabalho, engenharia de telecomunicações, engenharia elétrica, engenharia mecânica, estatística, pedagogia, psicologia e terapia ocupacional não podem concorrer ao cargo de analista do seguro social. No entanto, podem participar da seleção para cada área correlata.

O MPF pediu também a prorrogação do período de inscrição para o cargo e que os candidatos de outras áreas possam ter a opção de modificar a inscrição. Se o INSS não responder aos pedidos, o procurador pode ajuizar uma Ação Civil Pública.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)