Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

25/06/2010 11:27

Morre jovem ferida em racha na Avenida Afonso Pena

Campo Grande News/ Fernanda Mathias

A estudante de Direito Mayana de Almeida Duarte, de 23 anos, morreu na madrugada de hoje na Santa Casa de Campo Grande, 21 dias após ter sofrido acidente na Avenida Afonso Pena, no cruzamento com a José Antônio.

Segundo o pai da jovem, Marco Aurélio Duarte, 47 anos, o velório começa às 11 horas, no Parque das Primaveras e às 16 horas será o sepultamento.

A família ficou revoltada ao saber que o acidente foi provocado por jovens que participavam de racha, envolvendo um Vectra e um Uno, segundo testemunhas.

Racha – Por volta de 3 horas do dia 14, a jovem conduzia um Celta, placa HSY-5724, pela na Rua José Antônio, quando o carro foi atingido pelo Vectra, placa CCY-1805, conduzido por Anderson de Souza Moreno, 19 anos, conhecido como Fuscão. O Celta ficou destruído.

O Vectra seguia pela Avenida Afonso Pena, sentido Parque dos Poderes ao Centro, mesma direção do Fiat Uno, placa HRU-5334, conduzido por Willian Jhonny de Souza Ferreira, 25 anos.

O Celta parou a 45 metros do local do acidente. Já o Vectra parou a 24 metros da colisão e destruiu um banco de concreto no canteiro da avenida.

Mayana foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada em estado grave para a Santa Casa.

Conforme a Polícia, testemunhas relataram que o Vectra e o Uno desrespeitaram o semáforo vermelho no cruzamento da Avenida Afonso Pena e Rua José Antônio.

Ainda segundo as pessoas que viram o acidente, os rapazes já tinham “furado” o sinal de trânsito na Rua 13 de Junho e estavam em alta velocidade. Os condutores do Uno e do Vectra se recusaram a fazer o teste do bafômetro.

Anderson também foi internado e Willian Ferreira prestou depoimento e foi liberado. Ele argumentou que estava a 50 quilômetros por hora, enquanto o condutor do Vectra estaria a 80 quilômetros por hora.

Na quarta-feira Anderson iria depor no 1º Distrito Policial, mas o depoimento acabou adiado por problemas na entrega da intimação.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)