Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/11/2006 13:45

Missão tenta derrubar veto à carne de MS

Famasul News

Para tentar pôr fim ao embargo imposto pela Rússia contra as carnes bovinas e suínas do Brasil, uma missão liderada pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior viaja para Moscou neste sábado, dia 11. O calendário dos encontros ainda não foi divulgado, mas é possível que o grupo seja liderado pelo ministro Luiz Fernando Furlan. Técnicos do Ministério da Agricultura também farão parte da missão e poderão, se preciso, dar mais esclarecimentos aos russos sobre os procedimentos adotados para conter os focos de febre aftosa diagnosticados a partir de outubro do ano passado em Mato Grosso do Sul e no Paraná.

O problema sanitário levou o Governo russo a suspender as importações de carnes e derivados de oito Estados brasileiros. Em agosto, a Rússia anunciou que retomaria as importações de Mato Grosso. Um mês depois, foi anunciado o fim do embargo aos produtos fornecidos por São Paulo e Goiás. Continuam barradas as vendas de carne produzida no Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

O País é individualmente o maior importador de carnes do Brasil. No ano passado, os russos importaram cerca de US$ 555 milhões de carne bovina in natura do Brasil. Só em agosto deste ano, já foram exportados para a Rússia cerca de US$ 67 milhões em carne bovina in natura.

Frango

Enquanto a missão brasileira viaja no final de semana para Moscou afim de negociar o fim do embargo da Rússia à carne brasileira, técnicos do Ministério da Agricultura preparam-se para receber a partir do dia 19 de novembro veterinários do Canadá.

Os canadenses devem visitar grandes abatedouros de aves localizados em Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. Serão visitadas empresas que já têm autorização para vender para o Canadá e também plantas que têm interesse nesse comércio. O roteiro das visitas ainda não foi divulgado pelo Ministério da Agricultura. Dependendo do resultado das visitas, o Canadá pode ampliar as importações de frango do Brasil.

No acumulado de janeiro a setembro, as exportações totais de frango do Brasil para o Canadá somaram 16,818 mil toneladas e renderam US$ 24,945 milhões. Em valores, as vendas cresceram 5,7% na comparação com igual período de 2005, mostram números do Governo.


Correio do Estado

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)