Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

21/04/2004 14:45

Missão de MS vai à Europa conhecer turismo rural

Waldemar Gonçalves Jr. / Campo Grande News

Missão técnica de Mato Grosso do Sul está na Europa para recolher subsídios necessários à integração de propriedades rurais do Estado no projeto Fazendas do Brasil, referência em turismo rural no Brasil. Os técnicos vão participar do evento “Europa das Tradições: Uma visão transatlântica”, além de visitar fazendas em Portugal, retornando a Campo Grande no dia 3 de maio.
O diretor-técnico do Sebrae/MS, Cláudio George Mendonça, informou que os empresários não devem ter problemas para se encaixar nas exigências técnicas do projeto. “Os requisitos são fáceis de se adequar. O turismo rural requer a pessoalidade que os hotéis nas cidades não têm, como a presença do dono da fazenda”, explica.
Conforme o gestor de Desenvolvimento Local Arnaldo Leite, a viagem e a participação no seminário devem proporcionar conhecimento aos empresários do Estado de como estão as organizações de turismo na Europa. “Nosso interesse é que Mato Grosso do Sul passe a ingressar a rede de hotéis e pousadas do projeto, trazendo turistas europeus”, esclarece.
O gestor acredita que a integração do Estado no “Fazendas do Brasil” deve aumentar a visitação de europeus para Mato Grosso do Sul. “O nome é uma estratégia de marketing importante para o Estado e tem mais penetração na Europa”, comenta, informando que Mato Grosso do Sul será o quarto estado no País a integrar a rede.
Conforme Arnaldo Leite, a presença do Estado no evento já era compromisso do Sebrae/MS com empresários de Portugal desde outubro do ano passado, quando um grupo português esteve em Mato Grosso do Sul conhecendo fazendas pantaneiras. O grupo formado por 12 pessoas visita ainda dez propriedades em Portugal e também na Espanha inseridas dentro do projeto que originou o Fazendas do Brasil, o TURIHAB – Solares de Portugal.
O Estado se encaixa nos empreendimentos de turismo rural de produção. O interesse dos turistas que visitam a propriedade, conforme a consultora do Sebrae/MS, Márcia Gonzaga Rocha, é conhecer a lida do campo. “Eles querem ver como se retira o leite, participar de uma comitiva e outras atividades diárias das fazendas pantaneiras”, diz.
Um dos empresários do setor, proprietário da Fazenda Santa Inês em Miranda, Gerson Prata Júnior, comenta que os europeus ficam encantados com o dia-a-dia do pantaneiro. “Eles só vêem ordenha mecânica, não tem a experiência de tirar o leite direto da vaca”, conta, informando que pelo menos 40% dos seus hóspedes entre maio e setembro são europeus.
Para ele, será uma forma de divulgar o Estado em Portugal. “O turismo rural foi o que mais cresceu em São Paulo, cerca de 27%”, calcula.
O presidente do conselho deliberativo do Sebrae/MS, Leôncio de Souza Brito Filho, e o secretário estadual de Produção e Turismo, José Antônio Felício, também acompanham a missão.
Além de participar do evento, marcado para o dia 23 de abril, o secretário e Brito tentam também viabilizar um seminário sobre as potencialidades de Mato Grosso do Sul na Europa. A informação foi divulgada ontem pelo diretor técnico do Sebrae/MS, que também participa do seminário em Portugal.
\"Léo e Felício estarão conversando com o Grupo Pestana, uma das maiores redes de hotéis de Portugal\", informou o diretor, comentando que a intenção é levar informações do Estado para a Europa e mostrar a realidade das propriedades rurais de Mato Grosso do Sul.
O diretor também comentou que o presidente do conselho deliberativo do Sebrae/MS e o secretário de Produção também visitam a Confederação Agropecuária de Portugal para conhecer os vários segmentos rurais da Europa. \"Eles também têm o intuito de mostrar a realidade da produção brasileira lá e ver qual é a receptividade para que os europeus comecem a investir no Estado\", frisou Mendonça.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Sexta, 25 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)