Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/04/2014 09:55

Médico que jogava Paciência em atendimento é demitido

G1
Imagens de médico jogando no computador ganharam repercussão. (Reprodução/Portal G1)Imagens de médico jogando no computador ganharam repercussão. (Reprodução/Portal G1)

A Prefeitura de Osasco, na Grande São Paulo, demitiu o médico que aparece em um vídeo jogando Paciência no computador durante o atendimento a um paciente. As imagens foram divulgadas na última quinta-feira (24) e ganharam repercussão nas redes sociais e no YouTube. A administração municipal também comunicou o ocorrido ao Conselho Regional de Medicina (CRM).

No vídeo, o médico aparece com olhar fixo na tela, em direção ao jogo de cartas, enquanto uma paciente recebia cuidados de uma enfermeira à frente. O caso ocorreu no Posto de Saúde do Jardim Rochdale, na sala de inalação, e a mulher atendida reclamava de dores no peito e falta de ar.

Em entrevista ao Bom Dia São Paulo desta terça-feira (29), o secretário da Saúde de Osasco, José Amando Mota, afirmou que foram tomadas "providências sérias" porque "são fatos que envergonham a classe médica".

"O comum é que o médico fique na sala acompanhando [o atendimento da enfermeira]. O incomum é ficar jogando jogo de cartas no computador", disse Mota.
Segundo o secretário, o profissional flagrado é formado há 33 anos. Mota lamentou a demissão em virtude da carência de médicos pela qual a cidade passa.

"Que isso sirva de exemplo para que [outros] não procedam dessa forma. Ele [o médico] vai dar [respostas] no processo administrativo. Isso foge a qualquer tipo de regra. Por isso, o prefeito determinou a demissão", destacou.

Procurada pelo G1 na segunda-feira (28), a Prefeitura de Osasco afirmou que o prefeito Jorge Lapas determinou, na sexta (25), a "imediata abertura de processo administrativo para apuração da conduta do médico".

Em nota, a administração municipal informou: "O comportamento do médico é considerável inaceitável e não condiz com a postura da atual gestão. O cidadão deve ser respeitado sempre e, por isso, cobra-se um atendimento humanizado para todos".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)