Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Março de 2017

Últimas Notícias

08/03/2010 16:39

Manoel Afonso: Dinheiro para o Haiti tem...para nós não!

Manoel Afonso*

O noticiário tem mostrado um presidente da república generoso, preocupado demais com os povos de outros países empobrecidos e vítimas de tragédias diversas. Além disso, ao longo de seu mandato, acabou por perdoar dívidas de países africanos e de nossa América. Ainda recentemente reafirmou disposição de prestar auxílio ao povo chileno, fazendo questão de visitar aquele país e posar para fotos da mídia internacional inclusive.

O caso do Haiti é o que mais chama atenção. Antes mesmo do terremoto, o Brasil já mantinha uma formidável estrutura de apoio, prestando serviços em diversas áreas. Claro que o contingente de soldados brasileiros, sob o manto da ONU não pode ser esquecido. Pergunto: qual é mesmo nossa ligação histórica com o Haití, ex-colônia da França?

Curiosamente, algumas cidades brasileiras, que enfrentaram problemas menores, com enchentes, não receberam igual tratamento do Governo Federal. São Luiz do Paranaitinga e Angra dos Reis são dois exemplos marcantes. Agora, é Campo Grande que também vive o drama de depender de auxílio federal para reparar os estragos decorrentes das últimas chuvas. O prefeito Nelsinho, senadores e deputados com dificuldades para sensibilizar o Palácio do Planalto na liberação de qualquer tipo de ajuda.

A conclusão é simples: a generosidade no exterior rende elogios e prestígio para o presidente Lula, que sonha em ocupar cargo de direção na Organização das Nações Unidas e se firmar como líder maior da América Latina. Já Campo Grande, no contexto nacional, é um pontinho de luz, não decide as eleições presidenciais. Um amigo ironizou: o Lula só atende quem fala espanhol ou frances!

Nada como viver num país "sem problemas", onde a saúde é vizinha cada vez mais próxima da morte, onde falta segurança, estradas, ferrovias e saneamento básico.

*O autor é advogado e comentarista da TV-Record-MS – C. Grande

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 24 de Março de 2017
Quinta, 23 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 22 de Março de 2017
21:53
Cassilândia
20:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)