Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

21/01/2008 16:15

Mais de 400 agentes públicos a perderam cargo em 2007

Roberta Lopes/ABr

Brasília - Uso do cargo para obter vantagens pessoais ou para terceiros e improbidade administrativa foram os principais motivos de expulsões de agentes públicos dos seus cargos. Segundo informações da Controladoria-Geral da União (CGU), no ano passado, 437 pessoas deixaram o cargo por irregularidades cometidas no exercício de suas funções.

Desse total, 386 foram casos de demissão, 22 de destituições de cargo e 29 de cassações de aposentadorias. A CGU informou ainda que, desde 2003, 1.622 agentes públicos foram expulsos, sendo 1.421 demissões, 108 destituições de cargos de confiança e 93 cassações de aposentadorias.

Entre as irregularidades, além da obtenção de vantagens e da improbidade administrativa estão o abandono de cargo, recebimento de propina e lesão aos cofres públicos.

De acordo com a Controladoria, as penas foram aplicadas não só para agentes públicos de pequeno escalão, mas também para diretores, superintendentes e altos assessores de estatais como os Correios e a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero).

Segundo a CGU, as punições foram conseqüência de determinação do ministro-chefe do órgão, Jorge Hage, no sentido de acabar com a cultura da impunidade no serviço público.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)