Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

30/08/2012 07:32

Leilão de faixa de 700 mega-hertz vai incluir obrigações para empresas

Sabrina Craide, Agência Brasil

Brasília - O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse hoje (29) que o leilão da faixa de 700 mega-hertz (MHz), que deve ser realizado no ano que vem, vai priorizar obrigações às empresas e não a arrecadação de recursos. A faixa deverá ser usada para oferecer serviço de telefonia móvel de quarta geração (4G).

“A nossa opção é parecida com o que fizemos no leilão e 2,5 giga-hertz [GHz], quando colocamos a exigências de internet rural, fazer 3G onde falta fazer e demos prazos para as empresas. Colocamos um monte de obrigações e as empresas pagaram menos”, disse, ao chegar para a abertura da 56ª edição do Painel Telebrasil, realizado pela Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil). O leilão de 2,5 GHz foi realizado em junho pela Anatel e arrecadou R$ 2,93 bilhões.

O ministro disse que, antes de fechar o modelo de licitação, é preciso conversar com a área econômica do governo. A faixa de 700 MHz está atualmente ocupada pelas emissoras de televisão analógica e a licitação depende da digitalização das TVs. “Não vamos ocupar a faixa com banda larga sem resolver o problema da digitalização. Temos que fazer um plano”, disse o ministro.

Durante a abertura do evento, o presidente da Telebrasil, Antonio Carlos Valente, comemorou a decisão do governo de licitar a faixa no ano que vem e pediu que o leilão ocorra ainda no primeiro semestre. “Esse pode ser o grande projeto de integração entre os setores de telecomunicação e radiodifusão, que pode trazer benefícios para toda a sociedade”.

Edição: Fábio Massalli

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)