Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/04/2008 11:05

Leia Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

Amplavisão 577

ANTÔNIO RUSSO Conta que voltou dos “States” na classe executiva enquanto um
ex- sindicalista e atual dirigente de entidade federal veio na classe “vip”. A explicação é simples: o empresário gasta o que ganhou trabalhando.

GASTAR dinheiro público é fácil. Se vereadores esvaziam frigobar de hotéis e pedem nota fiscal majorada, imagine então esse pessoal que tem cartão corporativo. Isso que aparece na mídia é só a pontinha do iceberg.

LENGA LENGA Ninguém agüenta mais esse estica e puxa da CPI dos cartões. Nem bate boca tem! Está na hora da Marisa sair do holofote, cuidar da vida e de seu partido no Estado. As eleições não esperam por ninguém.

DIÁLOGO-1: Após longo e agradável papo no vôo Brasília-C.Grande, Toninho Russo confessou a Delcídio: “Engraçado, você não tem o perfil de petista”. O senador emendou: “O pior – todo mundo diz a mesma coisa.”

PREFEITOS em Brasília. As leis em vigor aumentaram as atribuições dos municípios e diminuíram suas fontes de arrecadação. Dos impostos, a União fica com 58,14%, os Estados com 25,27% e os municípios com 16,59%.

É PRECISO rever o pacto federativo com maior dotação orçamentária para as prefeituras, hoje reféns das barganhas e emendas com deputados garantindo-lhes palanque e votos nas eleições de 2.010.

DIÁLOGO-2: Roberto Marinho se queixa a Assis Chateaumbriand: Não sei o que fazer. O Globo está cheio de comunistas. “Chatô” ironiza: Impossível duas coisas: fazer jornal sem comunistas e balé sem viado.”

MARATONA: Artuzi cumpriu 10 compromissos só no domingo, das 7,00 às 23,00 horas. Às 9,00 horas já comia churrasco. Noutra festa arrematou um bolo por 600 reais e mandou distribuir para a garotada. É isso aí.

ALERTA: a possível imagem de seu prefeito ou vereador ao lado de Lula não passa de fotomontagem ao custo de R$20,00 durante a “Marcha dos Prefeitos”. Mas ela fará sucesso na campanha junto ao eleitorado ingênuo.

A TÁTICA de Lula é tentar nacionalizar o debate nestas eleições municipais, com seus aliados enaltecendo as obras do PAC e as conquistas do País em seu governo. Uma espécie de plebiscito em busca do 3º mandato.

A OPOSIÇÃO é fraca, mas não burra. Já decidiu: esquecerá a figura de Lula e puxará o debate para os temas locais, como sempre aconteceram nas eleições municipais. Como se diz: quando se quer falar mal não falta assunto.

FATURA-1 O deputado Paulo Duarte vai continuar na mídia nesta luta contra a tal taxa do Detran. Recorrendo da decisão que cassou a liminar, ele vai tocando em frente seu discurso oportuno que rende votos.

FATURA-2 A efetiva criação da Comissão Permanente de Defesa ao Consumidor na Assembléia. Para Rigo e Jerson, ela veio em boa hora, dando à população visibilidade das ações da Casa para combater os abusos do gênero.

BOM NEGÓCIO Cacciola pode até ficar preso por uns tempos aqui, mas não vai devolver mais de um bilhão de reais que surrupiou. Quem não ficaria preso em troca de mais de 100 milhões de reais por ano?

QUEM DIRIA! Lembra-se daquelas eleições na capital em que o PT saia no “mano a mano” contra o PMDB? Só saudades. Sairá apenas para fazer número, sem chances, empolgação e militância. Dia 25 escolhe o candidato.

AS CAUSAS: O partido está desgastado por conta das denúncias contra Zeca e João Grandão e de outros casos envolvendo figurões do Governo Lula. Na pratica o discurso da ética e moral não passou de estelionato.

CONFIRA Basta freqüentar o Senado, Câmara Federal, Assembléia e as Câmaras Municipais para conferir o que mudou na postura do parlamentares petistas. No PT irão sobreviver apenas aqueles que têm luz própria.

DO LEITOR: “Viola, Netinho, Marly Marley, Sergio Malandro, Ronaldo Esper e até a árbitra Ana Paula na lista de candidatos à vereança de São Paulo. Em qualquer lugar os partidos não respeitam mesmo seus eleitores.”

ATÉ QUANDO? Ferrovias, rodovias, Caixa Econômica Federal e prédios públicos no Brasil inteiro ocupados pelo MST? O Governo perdeu a autoridade ou é conivente com essa barbaridade. Tudo tem limite. Onde vamos parar?

CLASSE MÉDIA Empobreceu e mudou hábitos: cortou colégio particular, TV. a cabo, restaurante nos finais de semana e deixou de ir aos clubes. O Rádio Clube da capital, caiu de 6.000 para 1.600 sócios.

E MUDA? Os 2,8 milhões de eleitores têm a chance neste domingo de mudar os destinos do Paraguai, dominado pelos colorados desde 1947. Terra da impunidade, do crime e do contrabando? Francamente, não dá mais.

MAU SINAL Pesquisa entre prefeitos mostra insatisfação com seus deputados federais. Os parlamentares votam sem pedir opinião às bases, seguindo orientação do partido ou conveniências pessoais. Sempre foi, sempre será!

BOLSA GELADEIRA - FRIA PARA A OPOSIÇÃO!


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)