Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/10/2013 15:05

Juiz decreta prisão preventiva de mulher que mentiu sobre morte do marido

Campo Grande News

O juiz da 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, Carlos Alberto Garcete de Almeida, emitiu ontem (16) mandado de prisão contra Rhayssa Gabriella Robles de Almeida Florêncio, 26 anos, esposa do vendedor ambulante Fernando Cardoso Nogueira, 34, morto na última segunda-feira (14) com uma facada no peito.

Inicialmente, Rhayssa tinha assumido a autoria do crime. No entanto, dias depois, ela confessou à polícia que seu irmão, Paulo Renan Robles de Almeida Florêncio, 27, matou o vendedor ambulante na tentativa de defendê-la de agressões físicas.

Segundo informações do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), no mesmo dia em que Fernando foi morto, o delegado Rodrigo Vasconcellos Vargas comunicou o Judiciário sobre a prisão em flagrante de Rhayssa.

Antes de emitir o mandado de prisão, o juiz converteu o flagrante para pedido de prisão preventiva, que tem prazo de 30 dias. Rhayssa não tem antecedentes criminais e continua detida em uma das celas da 1ª Delegacia de Polícia Civil da Capital desde o dia do crime.

A assessoria do TJMS não soube informar se o mandado de prisão preventiva foi expedido antes de o juiz saber da reviravolta no caso. O Campo Grande News entrou em contato com a delegada responsável pelas investigações, mas as ligações não foram atendidas.

O Caso - Fernando foi morto com uma facada no peito na segunda-feira (14) na Rua Bernando Franco Baís, na Vila Carvalho. Segundo a delegada Ana Claudia Medina, o vendedor foi morto pelo cunhado.

Rhayssa diz ter sido agredida pela amante do marido e ligou para o irmão, pedindo ajuda. "Ambos se encontraram na casa do pai e Paulo a levaria para delegacia, porém estava chovendo. Eles então pediram ajuda para uma prima e, no trajeto, passaram na casa da Rhayssa para pegar documentos, quando aconteceu a tragédia”, conta a delegada.

Na ocasião, sem a chave, Fernando pulou o portão o irmão, já com as malas prontas para ir embora. Rhayssa iria pegar os documentos e seguir para a delegacia. Um dia antes, ela flagrou o marido com a amante na cama e já havia deixado prontas todas as coisas dele.

“A jovem falou para o marido que iria informar a Polícia sobre as agressões e Fernando então partiu pra cima dela. O irmão saiu em defesa da Rhayssa, colocando as duas mãos no peito do Fernando, na tentativa de afastá-lo. E como vende gás e água, fica com uma faca no bolso da calça para abrir os galões. Ele pegou o objeto e disse que quis dar um susto na vítima, pedindo para se afastar, mas ele continuou investindo na briga e foi ferido”, comenta a delegada.

Rhayssa pediu ao irmão para fugir, sair correndo, enquanto ela acionava o socorro médico. A Polícia foi acionada e ela então assumiu o crime no lugar do irmão, “sentindo-se na obrigação de defendê-lo”, conforme ela mesma disse à Polícia. Na terça-feira (15), quando a 1ª Delegacia começou a investigar o crime, os envolvidos foram intimados para prestar depoimento.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)