Cassilândia, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

Últimas Notícias

22/10/2013 09:24

Irritado com choro, padrasto agride bebê de 1 ano e 9 meses até a morte

Campo Grande News

Um menino de 1 ano e 9 meses morreu depois de ser espancado até a morte pelo padrasto de 25 anos. A criança chegou a ser socorrida e levada para o hospital de Dourados, mas não resistiu ao ferimento.

De acordo com o site Dourados Agora, Davidson Correia dos Santos estava em casa, na Rua das Abacateiras, no Jardim Colibri, cuidando do enteado, Braian de Souza Silva, enquanto a mãe dele de 20 anos trabalhava no shopping.

Entre 15h e 17h, a criança dormiu e teria ficado sozinha na casa. O padrasto que já havia ingerido vodka em casa, bebia cerveja num bar perto dali, quando por volta das 21h retornou para a residência.

Em depoimento a delegada Andréia Alves Pereira, Davison contou que estava tomando banho, quando o menino acordou e foi ao banheiro. Ele acabou caindo em cima da criança, que começou a chorar.

Irritado, o padrasto começou a surrar o menino a tapas, socos e chutes. Como Braian não parava de chorar, o homem chutou a criança que, segundo ele, foi arremessada por cerca de dois metros sobre uma mureta na sala.

Depois das agressões, a criança desmaiou. Ele tentou reanimar o menino embaixo do chuveiro, mas não adiantou. À Polícia, Davison relatou que mandou mensagem para a mulher dele, mãe da criança, informando que o menino tinha caído no banheiro e estava machucado.

Ela retornou pedindo que não deixasse a criança dormir e chegou cerca de 20 minutos depois. Conforme a Polícia, enquanto aguardava a mulher, o homem colocou o menino sobre a cama, acendeu um cigarro e foi assistir televisão.

A mãe do menino acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que conseguiu reanimar o menino. Ele foi encaminhado em estado grave para o hospital, onde não resistiu aos ferimentos e morreu logo depois de dar entrada.

No começo, o acusado negou o crime alegando que o enteado havia caído, porém acabou confessando, depois de ter sido desmentido pelos médicos que atenderam a ocorrência.

Davison foi autuado em flagrante por homicídio triplamente qualificado e deve ser transferido para a Phac (Penitenciária de Segurança Máxima Harry Amorim Costa).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 29 de Março de 2017
Terça, 28 de Março de 2017
21:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)