Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/08/2009 08:16

Ipems divulga nova pesquisa,agora com 5 nomes ao governo

Ângela Kempfer, Campo Grande News

O Ipems (Instituto de Pesquisa de Mato Grosso do Sul) fechou na semana passada mais um levantamento sobre intenções de votos ao governo estadual, mas desta vez com 5 possíveis candidatos na disputa.

A novidade é a inserção do nome de Iara Costa, do PMN, que tem se colocado como alternativa a Pedro Pedrossian Filho dentro do mesmo partido. No ano passado, ela enfrentou a campanha pela prefeitura de Campo Grande e ficou em terceiro lugar.

A pesquisa, realizada com eleitores dos 40 maiores municípios sul-mato-grossenses, não mostra alteração no ranking da corrida pelo governo, mas revela redução na vantagem do governador André Puccinelli em relação aos adversários.

Segundo o levantamento, o peemedebista teria 43,2% dos votos se as eleições fossem agora, 5 pontos percentuais a menos que em março deste ano, quando o Ipems também percorreu Mato Grosso do Sul.

Em segunda posição, continua o ex-governador Zeca do PT, com 26,85% - 4 pontos percentuais acima do índice registrado há 5 meses.

Marisa Serrano (PSDB) teve 13,05% neste mês, contra 12,1% em março, e Pedro Pedrossian Filho conseguiu 5,5%, número muito próximo dos 5,2% da pesquisa anterior. Iara Costa conseguiu apenas 1,5% na primeira pesquisa que é contemplada.

Outros 5,25% disseram que não votariam em nenhum deles e 4,65% não opinaram, os dois índices caíram se considerados os números de março – que eram de 6,40% e 5%.

A primeira pesquisa de abrangência estadual realizada neste ano, divulgada em janeiro pelo Ipems, mostrava Puccinelli com 47%, contra 27,17% do petista, e 15,56% da senadora tucana em intenções de voto.



Regional - Puccinelli ainda é preferência na Capital e no interior, onde tem 52,75% e 37,74% dos votos, respectivamente. Mas pela primeira vez, desde o primeiro acompanhamento pelo Ipems, Zeca do PT conseguiu maioria em uma das quatro regiões em que o Estado foi dividido para a pesquisa.

O petista tem 41,46% no Pantanal, contra 24,88% de André. Essa região é composta pelos municípios de Corumbá, onde o PT tem o prefeito Ruiter Cunha, além de Ladário, Aquidauana, Anastácio e Miranda.

Puccinelli lidera nas outras três, com melhor desempenho no Centro-Norte, onde tem 51,03% e Zeca aparece com 23,68%. O maior peso dessa região, composta por Sidrolandia, Terenos Camapuã, Coxim, Rio Verde e São Gabriel, é o eleitorado de Campo Grande.

Segundo turno - Diante da possibilidade de enfrentar o ex-governador Zeca do PT em um possível segundo turno, Puccinelli venceria com 56,10% e o petista teria 31%.

Já no embate com a tucana Marisa Serrano, o atual governador conseguiria 59,35%, contra 22,6% da adversária.

Contra os dois nomes do PMN, a vantagem seria recorde. Na disputa direta com Pedrossian Filho, Puccinelli venceria de 65,35% a 15,9%. A estreante Iara Costa teria de suportar a diferença de 69,35% do peemedebista contra 9,35% dela.

Rejeitados - Iara e Pedrossian Filho também são recordistas em rejeição, ela com 46,95% do eleitorado contra e ele com 39,74%.

No quesito rejeição, o terceiro colocado é Zeca do PT, com 39,7% dos entrevistados dizendo que não votariam nele. Marisa aparece com 32,9% de rejeição e o governador André Puccinelli tem o índice mais baixo – 18,2%.

A pesquisa foi feita entre 28 de julho e 4 de agosto, com 2 mil entrevistados, em uma parceria com o Campo Grande News e rádio FM Capital
O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro de, no máximo, 2,19 pontos percentuais para mais ou para menos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)