Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/06/2005 07:10

Ipea: assassinatos triplicaram no Brasil desde 1980

Irene Lôbo/ABr

A taxa de homicídios dolosos, ou seja, intencionais, quase triplicou no Brasil, passando de uma taxa de 11,4 vítimas por 100 mil habitantes em 1980 para 29,1 em 2003. O fácil acesso a armas de fogo, o crescimento do crime organizado e o alto grau de impunidade são apontados pela pesquisa Radar Social 2005, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), como os maiores responsáveis por esses homicídios.

A pesquisa também mostra que, em 2003, o Rio de Janeiro era, ao lado de Pernambuco, os estados com maior taxa de homicídios, 54,7 por 100 mil habitantes. Em terceiro lugar aparece o Espírito Santo, com 50,5, seguido pelo Distrito Federal (39,1), Rondônia (38,5), São Paulo (36,3), Alagoas (35,9), Amapá (35,5) e Mato Grosso (35). Os demais estados possuem taxas entre 10,8 e 29,9.

Numa comparação com as taxas de assassinatos em 15 países, o Brasil aparece em quarto lugar, com 23,4 mortes por 100 mil habitantes, segundo dados de 2002. Em primeiro lugar na lista está a África do Sul (114,8) e em último lugar o Líbano (3,4).

O estudo refuta a idéia de que a pobreza por si só é responsável pelo aumento da violência. "Os números mostram, no entanto, que a maioria absoluta das pessoas pobres não está envolvida com a criminalidade. E mais: que também os ricos praticam vários crimes (violentos ou não, como a sonegação de impostos). Isso não quer dizer que as carências sociais não aumentem a atratividade das soluções imediatas e ilegais, sobretudo para os jovens", diz a pesquisa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)