Cassilândia, Terça-feira, 23 de Outubro de 2018

Últimas Notícias

18/12/2004 08:20

INSS pode aceitar produtos para pagamentos de dívidas

Marina Miranda / Campo Grande News

“Dívida nova fica velha, e dívida velha não é paga”, afirmou o diretor de Administração da Receita Previdenciária, Francisco Leite da Silva, que esteve em Campo Grande esta sexta-feira para explicar a criação da Secretaria da Receita Previdenciária, desvinculando do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) o setor de arrecadação.
A dívida previdenciária no Estado de Mato Grosso do Sul chega a R$ 580 milhões. De olho no acerto de contas, outras alternativas de pagamentos estão sendo discutidas. “Estamos tentando identificar o perfil da dívida e dos devedores, o que pode ser recuperado, e também formulando novas maneiras de recebimento, como através da prestação de serviços, equipamentos ou percentual nos lucros”.
Silva conta que outra medida é o intensificar o monitoramento sob as empresas. “A contribuição venceu dia 2 e deu dia 10 ainda não foi pago, colocamos um auditor em contato para saber porque não foi quitado e quando será efetuado o pagamento”, informa. “Temos que focar no que interessa, que é a arrecadação, o aposentado precisa ter dinheiro na conta e investir”, complementa.
As novas formas de quitação das dívidas estão no campo das hipóteses, mas Silva garantiu que todas as propostas devem ser concluídas ainda este ano e encaminhadas para o executivo e legislativo.
Em Mato Grosso do Sul, os frigoríficos são campeões de sonegação. “Nós temos muita dificuldade de receber desse setor”, salienta Silva.
Em 19 de novembro, o Campo Grande News, publicou matéria informando que 1,6 mil empresas do Estado estão na lista de devedores do INSS. O maior devedor, na época, era o Frigotel (Frigorífico Três Lagoas Ltda.), com R$ 35,1 milhões. Na lista, dos 20 maiores devedores, 11 são empresas frigoríficas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Outubro de 2018
17:03
Cassilândia
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do Dia
Segunda, 22 de Outubro de 2018
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)