Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

03/05/2005 10:14

IBGE expõe contraste entre riqueza e pobreza em MS

Fernanda Mathias/Campo Grande News

Dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta terça-feira revelam que a riqueza e a pobreza estão lado a lado em Mato Grosso do Sul. Se por um lado o Estado tem o 9º maior PIB (Produto Interno Bruto) per capita do País, uma média de R$ 7.902 no ano de 2002, de outro a concentração de renda é muito forte. Prova disso são bolsões de pobreza dividindo espaço com áreas nobres e o alto índice de desemprego.
De 77 municípios (na época ainda não havia sido criado Figueirão), somente cinco concentravam 46,6% do PIB estadual: Campo Grande (27,1%); Dourados (7,7%), Corumbá (4,6%), Três Lagoas (4,5%) e Ponta Porã (R$ 2,8%), de um PIB total de R$ 15,3 bilhões, o 16º maior do País.
Um dos fatores que refletem nesta concentração é a própria base econômica do Estado, na agropecuária. Por isso o governo tenta diversificar as atividades, atraindo indústrias que acabam refletindo em um leque de oportunidades, através do comércio e setor de serviços.
Na distribuição do PIB per capita, que é a mera divisão da riqueza pela população do município, Chapadão do Sul aparece com o maior de todos, R$ 21,7 mil no ano de 2002. Na seqüência vêm Ladário (R$ 21 mil), Alcinópolis (R$ 18,8 mil), São Gabriel do Oeste (R$ 17,6 mil) e Costa Rica (R$ 16,7 mil).
Campo Grande teve em 2002 o PIB per capita de R$ 5.904,00, colocando-o no ranking estadual na 54ª posição. A Capital teve naquele ano riqueza de R$ 4.150.664.000,00, o maior do Estado, terceiro maior do Centro-Oeste, o 15º entre as Capitais e 43º entre os .560 municípios existentes no Brasil em 2002.
Na lista dos 30 municípios com menor PIB não há nenhum de Mato Grosso do Sul. O mais pobre no Estado é Japorã, com R$ 21.127.000,00, distante do primeiro listado entre os 30 menores PIBs da região Centro-Oeste que é Anhanguera (GO) com R$ 3.228.000,00 e também do 30º município que é Sítio D´Abadia (GO), R$ 10.692.000,00.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Fevereiro de 2017
Quarta, 22 de Fevereiro de 2017
13:30
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)